24

Resenha - Maçãs Envenenadas

em sexta-feira, 5 de outubro de 2012


Maçãs Envenenadas
Lily Archer
Galera Record
319 páginas 

As garotas Alice, Renna e Molly têm algo em comum para compartilhar: como em um conto de vagas, elas são oprimidas por uma madrasta que não demonstra sentimentos para as enteadas. 

 Alice é uma garota tímida e introvertida que perdeu a mãe no início da adolescência. Filha de um famoso escritor precisa conviver com o casamento do pai com a gentil e encantadora R. Klausenhook, estrela da Broadway. Mas Alice começa a perceber que R. não demonstra os mais sinceros sentimentos para a enteada, e por imposição, é obrigada a estudar em um colégio interno.

Reena é uma garota popular que gosta de se sentir importante e ser o centro das atenções. Descobre através da mãe que o pai, um importante cirurgião, se apaixonou pela professora de yoga, Shanti Shruti, uma moça com uma grande diferença de idade com o pai de Renna.

Molly é uma garota estudiosa que vê o mundo virar de cabeça para baixo quando descobre a separação dos pais. Agora, o pai está se casando com a afetuosa Candy Lamb, garçonete do restaurante em que o pai de Molly é dono.

Alice, Renna e Molly pensam que estão isoladas do mundo e que não tem nenhum amigo para ajudar nesse momento difícil. Até que decidem (ou são obrigadas) estudar em Putnam Mount McKinsey, um colégio interno na área rural do estado de Massachusetts. Três garotas com personalidades diferentes, mas que se unem devido um problema em comum: todas sofrem por causa da madrasta. 

Juntas elas descobriram uma amizade incrível, que poderá dar-lhes forças para enfrentar os mais diversos problemas. Para enfrentar as madrastas, decidem criar o grupo Maçãs Envenenadas, que tem o intuito de não se deixarem “envenenar” pelas maldades sofridas.

Simplesmente fiquei encantada com essa história, que relata sobre diferenças que são deixadas de lado quando se começa uma genuína amizade. As três amigas são inseguras, cada uma delas tem medo de não se encaixarem em nenhum ambiente. Reena, mesmo sendo a mais popular, sempre se vê mentindo, mostrando uma pessoa que não é apenas para não se ver excluída do grupo. Para as outras pessoas, Alice é uma garota mimada e mesquinha. Mas ela é tímida, insegura, solitária, sofre pela saudade da mãe e do pai, que não dá mais atenção para ela depois que se casou. Molly é conhecida como nerd, apenas por gostar de estudar e ler. Ela é uma garota sensível que ainda não percebeu que está crescendo, e devido sua insegurança, não consegue se envolver com ninguém.

Com graciosidade, Lily Acher narra uma história envolvente, um conto de fadas moderno sobre três garotas que se sentem sozinhas por causa dos problemas dos pais. A narrativa é leve e fluída, sendo cada capítulo contado pelo ponto de vista de uma das garotas, completando a história e levando o leitor a conhecer mais de cada protagonista.

Apenas dois pontos me desagradaram durante a narrativa, a falta de mais atividade do grupo Maçãs Envenenadas e um segundo volume na história, para contar mais sobre as amigas. O grupo é criado com o intuito de se ajudarem e assim acabarem com o casamento dos pais, mas acaba ficando em segundo plano, dando foco aos problemas emocionais das garotas. Quando a história toma um rumo interessante, estamos nas últimas páginas, querendo ler mais sobre o trio.

História sensível, levemente engraçada, que traz as dúvidas e os problemas dos adolescentes, com foco em seus medos e inseguranças após o fim do relacionamento dos pais. Difícil não se encantar com o enredo!

Boa leitura!




24 comentários:

  1. A capa me encantou, como sempre, mas a história não.
    Sei lá, me pareceu fraquinha, adolescentes com problemas, talvez eu leia no futuro, mas hoje, achei fresco! hehehe

    ResponderExcluir
  2. Já eu gostei da trama, :)

    Gosto de tramas que se aproximem da realidade. Ao ler o título pensei se tratar de mais um livro com temática sobrenatural, mas que bom que não é, pelo menos para mim, hehe.

    Talvez tenha um segundo volume, alguns autores agora só escrevem, no mínimo, trilogias...

    Bjo.

    ResponderExcluir
  3. Esse parece ser meio teenage ... não rolou

    ResponderExcluir
  4. Hummm... Ando meio decepcionada com certas maçãs, mas o livro não parece tão ruim assim, não sei se vou ler, quem sabe no futuro né?! Espero que tenha um segundo volume. =)
    Bjus

    ResponderExcluir
  5. O livro parece ser fofo, com uma história divertida e interessante, porém, por ser juvenil demais não me interessei.

    Thais Vianna
    @dathais
    dathais@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. Ah Carlinha que resenha meiga!!!
    Eu não dei nada pelo lançamento, então a resenha da Nanie me fez repensar, e a sua mais ainda pq refrescou a memória e me fez vislumbrar outras coisas.
    Sequer consigo imaginar como é lidar com uma madrasta... mas deve ser complicado dado o temperamento delas... uma precisando sempre de atenção, outra introvertida... não tem como acabar se sentindo benquista numa relação nova.
    Ao menos na escola elas acabam se unindo e fazendo companhia umas às outras. =D

    ResponderExcluir
  7. Amanda Naira Arrais5 de outubro de 2012 19:37

    Me pareceu um livro leve, pra descontrair, um tanto quanto juvenil, haa mas eu também ñ sou tão velha assim..
    leria sim..

    ResponderExcluir
  8. nao gostei ... sei la , sou meio estranho as vezes mais esse nao me interessou , rsrs

    ResponderExcluir
  9. Oi Alê!

    Não sei se o livro combina com você kkkkkk

    Realmente é um enredo de adolescentes com problemas familiares, não sei se você gosta do gênero =)

    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Oi Gladys!

    Eu até procurei para saber se teria um segundo, não achei nada o.O Confesso que quando vi o título "Maçãs Envenenadas" achei que seria algo voltado a fantasia dos contos de fadas, mas não. São garotas com problemas familiares comuns, que descobrem na amizade uma forma de superar essa fase. É uma graça \o/

    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Oi Josi!

    kkkkkkk

    É um enredo bem adolescente \o/

    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Oi Ju!

    Eu queria um segundo, apenas para saber mais sobre as protagonistas kkkkkk

    Bjs!

    ResponderExcluir
  13. Oi Thais!

    É um livro voltado ao público adolescente, super fofo kkkk

    Bjs!

    ResponderExcluir
  14. Oi Dani!

    Também não consigo imaginar como deve ser um relacionamento assim... como disse, pelo menos encontraram forças na amizade \o/

    É uma graça o livro kkkk
    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. Oi Amanda!

    kkkkk é uma graça, você vai gostar \o/

    Bjs!

    ResponderExcluir
  16. Até gosto, mas não costumam ser meus preferidos.
    São daquele tipo que eu nao fico enlouquecida para comprar.
    Até entra para a lista, mas não como prioridade, fica para aqueles momentos de promoções até 9,90 hahaha

    ResponderExcluir
  17. Está na minha lista sem fim, rsrs.


    Bjo.

    ResponderExcluir
  18. Oi Alê!

    Espertinha, hein?

    Eu faço isso também kkkk

    Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Gostei da capa e da resenha tb,vou comprar porque gostei da trama.Quero entender como três garotas inocentes e simpáticas viraram garotas venenosas…

    ResponderExcluir
  20. Hummm... Ando meio decepcionada com certas maçãs, mas o livro não parece tão ruim assim, não sei se vou ler, quem sabe no futuro né?! Espero que tenha um segundo volume. =)
    Bjus

    ResponderExcluir
  21. Já eu gostei da trama, :)

    Gosto de tramas que se aproximem da realidade. Ao ler o título pensei se tratar de mais um livro com temática sobrenatural, mas que bom que não é, pelo menos para mim, hehe.

    Talvez tenha um segundo volume, alguns autores agora só escrevem, no mínimo, trilogias...

    Bjo.

    ResponderExcluir
  22. Esse parece ser meio teenage ... não rolou

    ResponderExcluir
  23. A capa me encantou, como sempre, mas a história não.
    Sei lá, me pareceu fraquinha, adolescentes com problemas, talvez eu leia no futuro, mas hoje, achei fresco! hehehe

    ResponderExcluir

 
Google+