32

Resenha - Noite sem Fim

em sexta-feira, 19 de outubro de 2012


Noite sem Fim
O Além-mar - livro um
Roberto Campos Pellanda
Tarja Editorial
300 páginas

A Vila é um lugar onde é sempre noite. A cidade vive sob a rígida Lei dos Anciãos: a cada seis meses um navio deve partir para o Além-mar. Martin tem quatorze anos e ficou órfão há seis meses, quando o pai embarcou em um navio para o Além-mar, de onde, todos sabem, ninguém retorna. Atormentado pela perda do pai e pelo fantasma de que conhecia muito pouco a seu respeito, a começar pelo incompreensível motivo que o fez ser voluntário em um navio, Martin decide partir à procura de respostas. 

A busca pela verdade levará Martin a visitar algumas das figuras mais folclóricas da Vila e o conduzirá a uma incrível descoberta: uma coleção de livros proibidos. Junto com Omar, seu melhor amigo, e Maya, a filha do livreiro da Vila por quem é perdidamente apaixonado, Martin inicia um clube de leitura para explorar o tesouro recém-descoberto.

O mergulho nos livros proibidos levará o trio a uma perigosa jornada, na qual eles não apenas serão apresentados aos segredos que envolviam o passado do pai de Martin, mas também os colocará cara a cara com a própria essência do terrível regime Ancião. À medida que a leitura dos livros avança, eles se veem em meio a uma perigosa trama e percebem, tarde demais que, depois das revelações do clube de leitura, nada será como antes e a vida dos três mudará para sempre. 

Confrontado com verdades aterradoras e declarado inimigo do regime Ancião, Martin ainda terá que enfrentar o maior temor de todos na Vila: criaturas cujo nome não se diz e que vêm do Além-mar. Durante a grande catástrofe, Martin terá que descobrir em si mesmo uma coragem que não sabia existir, se quiser salvar a vida de Maya e a própria Vila. 
Noite sem Fim é uma declaração de amor a três coisas: família, amizade e livros.

Noite sem Fim é o primeiro volume da série O Além-Mar escrito pelo autor Roberto Campos Pellanda e foi uma leitura que muito me cativou. A história é narrada em terceira pessoa e acompanhamos a trajetória do protagonista Martin, jovem de apenas 14 anos que não aceita as regras rígidas ditadas pelos Anciões. Ele questiona tudo o que é imposto e devido ao seu instinto de explorador, inicia uma busca junto aos melhores amigos, Omar e Maya, por respostas que envolvem seu passado e os mistérios da Vila.

A narração flui facilmente devido a um texto bem estruturado, leve, claro, objetivo com uma ótima revisão e também com personagens marcantes e carismáticos. Impossível não se encantar com a coragem e a paixão do jovem Martin, com  a sinceridade e inteligência de Omar e a bondade de Maya.

A Vila é regida por um regime ditatorial, onde qualquer pessoa é punida por expressar uma idéia contrária as regras, o que leva-nos a reflexão de que precisamos questionar quando algo nos é imposto e vai contra nossos ideais. Algo está errado na Vila, mas eram poucos que tinham coragem de não aceitar. Outro ponto da história que nos leva a reflexão é a importância dos livros nas nossas vidas, são eles que nos instruem, que nos fazem viajar para um outro mundo, um outro lugar. Confesso que ficaria depressiva se fosse proibida de ler o que eu quisesse e apenas pudesse conhecer o que era imposto. De forma singela, Roberto nos faz ver o quanto temos liberdade em tomar decisões simples, em se expressar e que não prestamos a devida atenção nesses atos.

O autor conseguiu mesclar doses de aventura, mistério, suspense e romance, com personagens marcantes, carismáticos em um enredo distópico com vários trechos que nos levam a reflexão. Alguns mistérios são resolvidos nesse primeiro volume, mas algumas "pontas soltas" serão resolvidas no próximo, O primeiro amanhecer.

Parabéns ao escritor Roberto que escreveu uma história que tanto me encantou! Sem dúvida, Noite sem fim ficou marcado como um dos melhores livros nacionais que eu li no ano. O segundo volume, O primeiro amanhecer, já está pronto e logo será lançado no mercado, o que significa que não precisarei esperar muito para ler a continuação (risos).

Série “O Além-mar”

1.      Noite sem Fim
2.      O Primeiro Amanhecer



32 comentários:

  1. Nossa parece ser lindo, adoro livros assim e a cada resenha que leio de um nacional fico mais feliz e com vontade de ler nossos escritores brazucas.
    Ká amei a resenha, linda, perfeita como sempre. Parabéns!!!

    Ju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju!

      Muito obrigado!

      Eu estou adorando todos os títulos! Esse título em específico me cativou \o/

      Fiquei encantada com o protagonista e a sua coragem.

      Bjs!

      Excluir
  2. Capa muito linda (tu ja deve estar enjoada me ver falar sobre capas), a sinopse é fofa, e a resenha me deixou com muita vontade de ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alê!

      Imagina! Eu sempre fico admirando as capas kkkk

      Eu acredito que você gostará da história, é fantástica \o/

      Bjs!

      Excluir
    2. Que lindo Cá, tu até já sabe o tipo de história que eu gosto.
      *-*
      heheheh

      Excluir
    3. Oi Alê!

      Como eu leio todo os comentários e nós já conversamos várias vezes, eu acabo conhecendo um pouco do gosto de cada um \o/

      Bjs!

      Excluir
  3. gostei bastante da sinopse, não só dela, mas da resenha também.. eu simplesmente queria ele agora pra mim..

    eu fico muito feliz em ver os livros nacionais ganhando cada vez mais força.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda!

      Eu ainda não sei o por que as editoras não investem tanto nos talentos nacionais. Eu tive a oportunidade de conferir vários títulos e são maravilhosos!

      Nossos autores merecem destaque \o/

      Bjs!

      Excluir
    2. Merecem mesmo.. tem tanta coisa boa.. \0/

      Excluir
    3. Oi Amanda!

      E como merecem \o/

      Bjs!

      Excluir
  4. Gostei, achei muito interessante , e a capa tbem é bonitinha rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gustavo!

      A história é muito interessante \o/

      Você vai gostar!

      Bjs!

      Excluir
  5. Carlinha essa capa é meiga e já deixa no ar a curiosidade.
    Já digo que não gostaria nem um pouco de morar nesta Vila, afinal eu gosto de ler o que eu quero, é doloroso até, pensar em ler por imposição.
    Esse Além-mar me deixou com calafrios, fui logo imaginando algo no estilo Nárnia (entre no barquinho e vá até o monstrinho).
    Adorei a resenha!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani!

      A história é uma graça! Eu fiquei envolvida durante toda a narrativa e não encontrei nada que me desagradou. Apenas que ainda não tenho o segundo para ler kkkk

      Bjs!

      Excluir
  6. Estava pensando em voltar a ler um pouco de distopia. Acho que a sugestão veio bem a calhar ... E com a continuação a caminho, melhor, certo?! : )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Josi!

      Eu só preciso confirmar a data, mas a continuação está bem próxima \o/

      Bjs!

      Excluir
  7. Distopia não é a minha praia, mas esse livro até que me despertou o interesse.

    Também achei a capa bonita.

    Pelo menos não é uma série extensa né!

    Mandei um tweet informando que os livros chegaram, vc viu?

    Bjo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gladys!

      Não vi o seu tweet o.O fiquei off no domingo, acho que foi por isso que não vi kkk

      Muito obrigado pelo aviso \o/

      A história é uma graça e os personagens cativantes \o/ Simplesmente adorei kkk

      Bjs!

      Excluir
  8. Oi Carla!
    Não conhecia esse livro e fiquei muito curiosa!
    Ando não querendo ler séries, mas como são só dois livros, me animei! =)
    Adorei a resenha!

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lívia!

      Nem me fale em série, parece que tudo o que eu gosto tem mais de 3 livros kkkk

      O problema é para o meu cartão que mesmo se escondendo eu o pego kkkk

      Bjs!

      Excluir
  9. Oi Carla!
    Um lugar onde é sempre noite? Que interessante.
    Gostei da resenha, o livro parece ser bem diferente!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sora!

      O lugar sempre noite o.O Muito diferente!

      O livro é uma graça \o/

      Bjs!

      Excluir
  10. A capa do livro é linda, e achei muito interessante a narrativa, mas um que a Credicard agradece kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pá!

      Esses amigos inseparáveis kkkk

      Bjs!

      Excluir
  11. Gostei da resenha e estou empolgada para ler!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu!

      Você vai gostar da história \O/

      Bjs!

      Excluir
  12. Olá, Ca.

    Fico muito feliz de você ter apreciado este livro.

    Lembrei muito dos livros juvenis que sempre lia na adolescência.

    Estou ansiosa para ver o desenrolar dessa trama.

    A determinação do trio de amigos, me fez lembrar de Harry Potter. Saudades e vontade de reler novamente! Adoro!

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlinha!

      Eu fiquei muito empolgada durante a história, não conseguia parar a leitura =)

      E o final? Quase infartei! Quero o segundo livro!

      Bjs!

      Excluir
  13. Gostei da capa da resenha,da temática...Fica a impressão de uqe trata-se de uma declaração de amor a família, amizade e os livros
    Também queria saber por que as editoras não investem tanto nos talentos nacionais.Deveria ter uma lei de incentivo assim teríamos surpresas agradáveis para ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van!

      Concordo com você, existem ótimos trabalhos no mercado, mas que não tem a devida atenção...

      Nossos talentos merecem destaque \o/

      Bjs!

      Excluir
  14. Oi Carla, ainda não conheço o trabalho do autor, mas pela resenha me pareceu uma história interessante.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rose!

      O trabalho é ótimo! É para ficar com orgulho de ser brasileiro \o/

      Bjs!

      Excluir

 
Google+