14

[Resenha] Clarke

em sexta-feira, 18 de outubro de 2013


Clarke
R. Lovato
Editora Novo Século
277 páginas
Quarta-feira, 18 de abril de 2074.
O Comandante da Estação Espacial Mundial olhava as estrelas.
Gostava do silêncio do espaço sideral. Emprestava-lhe calma, paz.
Ouviu o o troar de um alarme. O som não lhe era familiar.
Olhou para um dos projetores tridimensionais da Estação:
'Detecção de corpo celeste desconhecido.'
Indicava a existência de pequena 'estrela' entre o Cinturão de Asteróides e Marte.
Movia-se em alta velocidade, em trajetória não elíptica.
'Estrelas não surgem do nada. E muito menos se movem dessa maneira.'
 Correu para a ponte de comando.
Sem saber, naquele momento uma contagem regressiva foi iniciada: 129 dias.
Qual terrível verdade aquela suposta 'estrelinha' trazia consigo?
A resposta a essa e muitas outras indagações você encontrará em Clarke.
Com sorte, talvez você mesmo possa ajudar a responder à pergunta de uma garotinha:
'Papai... Por que tem de ser assim?'
'Não me deixe sozinho. Por favor!' 

Clarke escrito por R. Lovato é uma história de ficção científica, trazendo questionamentos sobre as atitudes humanas. O enredo é contado por três pontos de vistas diferentes, onde conhecemos como a população está agindo diante da visita de Clarke, uma nave extraterrestre que paira sobre a Terra.

Os capítulos são curtos que os personagens enfrentam problemas comuns. Um está desesperado pelo abandono da esposa, outro, está preocupado com a gravidez da esposa e com a pequena filha. Alternado entre essas duas histórias, temos o ponto de vista do presidente Andrew Stevens, que busca mais informações sobre a desconhecida nave, assim como tenta controlar a população.

Não vou entrar em pormenores da história, pois cada detalhe é importante para o final. Eu me senti como se tivesse assistindo a um filme de ficção científica, devido à excelente narração do autor. Não se enganem pelo título e pela capa, o conteúdo supera totalmente as expectativas.

Boa leitura!



14 comentários:

  1. Nossa, Eduardo, que interessante. Adoro histórias que tratam do psicológico e do cotidiano das pessoas. Esse "q" de ficção científica deve enriquecer ainda mais a história. Gostei, vou ler... Bjs, Isabela.

    ResponderExcluir
  2. Danielle CGA Souza18 de outubro de 2013 20:56

    Oi Eduardo, gostei da resenha breve mas bem explicativa. Uma pena que o tema do livro não me anima a ler...
    A capa é legal e o sobrenome só me fez pensar na Demi Lovatto. hahaha

    ResponderExcluir
  3. livro muito bom

    @livroazuis

    livro-azul.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro ficção científica ! Fiquei pensando que esse fosse um livro que contava a história do Clark Kent do Smallville, rsrs.
    Mas então eu fiquei com uma certa curiosidade sobre essa alienígena.

    ResponderExcluir
  5. Não tenho hábito de ler esse estilo, mas gostei da sua resenha, bjo!

    Te espero lá no meu cantinho, =D

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. A capa e o título não atrai nem um pouco, mas com sua resenha me atraí um pouco pela história do livro. Espero que o livro seja bom mesmo.
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Ju!
    Eu fui surpreendida com a história \o/
    Bjs!

    ResponderExcluir
  8. Oi Gladys!
    Menina, eu me surpreendi com o livro, é muito bom
    bjs!

    ResponderExcluir
  9. Oi Rossana!
    ahahah não tinha imaginado isso ahahha
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Oi Dani!
    A história é ótimo! Eu apreveitei e li também, e adorei \o/
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Oi Isa!
    Torcendo para que goste da história!
    bjs!

    ResponderExcluir
  12. Oi Carla,assisto filmes de ficção científica,e essa dica de livro chamou minha atenção,interessante a forma em que o enredo é contado.

    ResponderExcluir
  13. Olá Carla. Que legal que vc gostou. E obrigado pela resenha. Se quiser ler mais alguma coisa que escrevi dê um pulo em www.rlovato.com.br. Boa leitura a todos! Bjão!

    ResponderExcluir

 
Google+