13

[Resenha] Horizonte Vermelho

em terça-feira, 12 de novembro de 2013


Horizonte Vermelho
Elizabeth Pereira
Pelo espírito Sophie
VivaLuz Editora
638 páginas

Na fascinante Irlanda do século 12, Patrick Castle retorna da primeira grande batalha travada pelas cruzadas, a dramática tomada de Jerusalém das mãos dos muçulmanos. Ao avistar pela primeira vez a linda Eugene, com seus cabelos ruivos ao vento, cavalgando por entre a verde e exuberante paisagem da Ilha Esmeralda, o cavaleiro cruzado não teve dúvida: reencontrara o amor de sua vida - amor que atravessara os séculos. Horizonte Vermelho é um daqueles livros marcantes, que permanecem por muito tempo em nossa lembrança. Nele os temas essenciais da literatura espírita e da vida tecem a trama. Em meio ao fogo purificador de duras provações, a oportunidade de ascensão espiritual. 
A luta não termina sem vitória.

 Quando estamos com um livro em mãos visualizamos primeiro a capa, as páginas e após tudo analisado, começamos a leitura, torcendo para o romance ser bom.

Agora, o quando o livro é belíssimo, assim como toda a arte escolhida para a publicação, existe um receio em saber se o conteúdo corresponde a expectativa criada pela capa. Quando notamos logo no início da leitura a qualidade da história e a moral que um romance espírita nos passa, apenas podemos concordar com o comentário da capa. “Um romance extraordinário”.

A história é completa, não deixa dúvidas e todos os mistérios são revelados, tornando o livro imperdível e apaixonante.

Vale a pena cada página, e não pode fazer uma leitura rápida, pois cada capítulo é importante para a história. O romance não se baseia apenas na vida de Patrick Castle e de Eugene, mas sim em todos os outros personagens secundários que aparecem na trama. Todos são indispensáveis para deixar a trama completar, e assim nos envolver com o enredo sem querer largar por nada.

Com base nas revelações da vida do casal principal, o leitor compreende os sucessos e fracassos de cada envolvido no belo romance, identificando o grave comprometimento de alguns e a elevação de outros. 

Entendendo que tudo passa por transformação na vida de cada um, nada ficando em branco em nosso rumo ao sucesso na grande jornada terrena.

Impecável e imperdível.

Nota:
 



13 comentários:

  1. Michelli Santos Prado12 de novembro de 2013 14:39

    Olá Carla, amiga que livro é esse??
    Amei a resenha, capa, enredo...Não conhecia e já me encantei lendo sua resenha sobre a historia e com certeza irei procurar mais coisas sobre ele, pois fiquei super animada...
    Beijocas ♥

    ResponderExcluir
  2. Realmente a capa é lindíssima, não posso negar... enquanto narrava os fato histórico do enredo me vi pensando... UAU QUE SENSACIONAL, mas quando enfim caiu minha ficha de que era romance espírita (mentira, vc disse que era... kkkkk) já me desanimei, já sei que é algo que comprar e que não vou ler. Não me pergunte o porque, pois nem eu sei, mas não consigo ler em hipotese alguma livros espíritas, que alias ultimamente estão dando de 10x0 em questão de belas capas... ;)

    ResponderExcluir
  3. A capa é linda e acho que para merecer cinco estrelinhas o livro não deve deixar a desejar. Por ser do gênero espírita, infelizmente, não vai para a minha listinha, mas tem a minha consideração e admiração pela construção da história.

    ResponderExcluir
  4. Oi Michelli!
    Menina, o livro está aqui na minha pilha. A Rita leu na frente e amou!!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Oi Raissa!
    É uma pena, pois a história é ótima!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. A capa é linda mesmo, bom saber que a história também é boa.
    Ganhei faz pouco tempo esse livro da minha tia, ela leu e amou.
    Está na lista das minhas próximas leituras ;)

    ResponderExcluir
  7. Carla, realmente quando compramos um livro temos toda aquela
    expectativa de leitura e pensar que vai ser uma boa leitura, adorei a dica de
    livro pela história de pensar em como significa certos sentimentos e como podem
    transformar nossa vida.

    ResponderExcluir
  8. Sou fã de romances espíritas como já disse muitas vezes aqui, e fiquei encantada realmente com essa capa que é linda e isso já é meio caminho andado pra uma leitura me conquistar! A historia parece ótima e que legal a autora dar enfase a vida dos persongens secundários tambem, muito bom esse cuidado dela! Adorei e quero ler!

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Eu não me interessei pelo livro e não é pelo fato de ser espírita, acho que pelos detalhes (to lendo rápido e perco algo e muitas vezes eu tenho voltar- muito feio isso) que bm que você gostou.
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Passo, nao faz meu gosto.




    xx

    ResponderExcluir
  11. Acabei de ler e confesso que ele entrou para minha lista de favoritos, além de conter um lindíssimo romance, trás ensinamentos riquíssimo que são luzes. AMEIIII :-)

    ResponderExcluir

 
Google+