9

[Resenha] O Histórico Infame de Frankie Landau-Banks

em segunda-feira, 18 de novembro de 2013


O Histórico Infame de Frankie Landau-Banks
E. Lockhart
Editora Seguinte
339 páginas

O Histórico Infame de Frankie Laundau-Banks escrito por E. Lockhart é um livro brilhante, de leitura obrigatória.

Conhecemos Frankie Landau-Banks, uma jovem que sofre uma enorme transformação física: agora ela é cheia de curvas, com uma beleza inusitada. É com esse novo visual que Frankie volta às aulas para o segundo ano na tradicional escola Alabaster.

Com seu novo visual, Frankie chama a atenção de Matthew Livingston, o rapaz mais popular do colégio. Sem acreditar que conseguiu chamar a atenção de um garoto lindo, Frankie começa a namorar com Matthew e conhece o círculo de amigos do jovem. E Frankie começa a apreciar esse novo universo, as piadas internas, a camaradagem entre eles e a liberdade total que eles têm.

Frankie descobre que Matthew faz parte de uma lendária sociedade secreta - a Leal Ordem dos Bassês - que organiza traquinagens pela escola e não permite que garotas se juntem ao grupo. E por mais que ela se esforce, ela continua se sentindo inferior aos homens do grupo. Mas ela não aceitará um "não" como resposta. 

Utilizando de sua inteligência e esperteza, Frankie começa a manipular a Leal Ordem, levantando diversos questionamentos no colégio. E ainda tentará descobrir se é possível se apaixonar por alguém sem precisar se anular.

Eu recebi o livro com uma cartinha toda especial, exaltando a qualidade da história. E como não podia deixar de acontecer, o livro furou a fila (risos). Sim, minha curiosidade foi aguçada e eu precisava conferir tudo o que o livro proporcionaria. E fui surpreendida!

Frankie é uma jovem esperta, que como toda adolescente, fica deslumbrada com todas as oportunidades que consegue por ter um corpo desejável. Ela conseguiu chamar a atenção de um dos garotos populares da escola! Quem nunca quis isso? Mas ao mesmo tempo que se apaixona, ela começa a notar que Matthew não a ouve. Ela é apenas um rosto bonito, e não uma pessoa que tem opiniões.

"Mas conforme ela ficou vendo Matthew rir junto com Callum, Dean e Alfa, Frankie lembrou como ele a tinha chamado de "embalagem bonita", como ele tinha insinuado que sua mente era pequena, como ele tinha dito a ela para não mudar - como se ele tivesse algum poder sobre ela. Uma parte minúscula dela queria ir até ele e gritar: "Eu posso me sentir horrorosa de vez enquanto se quiser! E posso falar para todo mundo o quanto sou insegura, se eu quiser! Ou posso estar bonita e fingir que acho que estou horrorosa, por falsa modéstia - também posso fazer isso se eu quiser. Porque você, Livingston, não manda em mim e nem me diz que tipo de garota eu devo me tornar".

Frankie quer fazer parte da Leal Ordem dos Bassês, ela é inteligente, esperta, e suas idéias para traquinagens no colégio são geniais. Ela não quer apenas chamar a atenção para a brincadeira. O intuito para cada traquinagem é uma forma de manifesto para o sistema onde vive. Em todas as brincadeiras, ela quer que os alunos vejam os pontos negativos da sociedade onde se encontram, assim como as falhas do colégio, e até mesmo a diferença em que as garotas são tratadas apenas por serem mulheres.

O que eu gostei em Frankie é que ela não é uma personagem bobinha que aceita tudo calada. Ela argumenta, discute, e mostra suas opiniões, o que é certo ou errado. E quando existe um desafio, não hesita em enfrentá-lo. Mas como todo adolescente, em alguns momentos, não pensa em suas atitudes ou se deixa influenciar pela emoção do momento.

A leitura é leve, fluída, divertida, impossível de largar, e cada página, o leitor fica mais encantando com a jovem Frankie e sua forma de fazer a diferença no colégio. Agora entendo todos os elogios para com a obra, e ressalto: “Todos precisam ler”. Não tem como ser conquistado por Frankie e suas artimanhas. 

Nota:






9 comentários:

  1. Michelli Santos Prado18 de novembro de 2013 17:07

    Oi Carla...

    Este livro me chamou minha atenção desde seu lançamento e sua resenha me deixou ainda mais curiosa...
    Fiquei super interessada em conhecer essa personagem. Parece-me ser bem vivaz e disposta a tudo. E ele já esta na minha lista de desejados!!

    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  2. :( Adolescentes... andam me perseguindo ultimamente... Acho que vou voltar para meus romances históricos que eu ganho mais... rsrs... Ótima resenha ;)

    ResponderExcluir
  3. Parece bem teen né Carlinha!

    Não conhecia, bjo!

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela resenha, acho que meus sobrinhos adolescente vão amar vou dar a dica!
    O quote,também mim chamou a atenção da personagem ,a audácia,determinação ...muito bo!
    http://httplendoaprendendoevivendoblogscom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu vejo todo mundo falar tão bem desse livro que não tem como não desejar! Eu tenho uma queda por personagens principais femininas
    coma força e já me apaixonei pela Frankie só de ler sua resenha.

    ResponderExcluir
  6. Carla, deve ser curioso acompanhar Frankie retornando para a escola com seu novo visual, será que ela vai mesmo conquistar Matthew ,mas aí ela descobre uma sociedade secreta em que garotas não podem fazer parte e fica pensando em como mudar essa regra, a parte de manipular a Leal Ordem deve ser muito divertida ainda mais pelas ideias que ela vai ter para mudar essa situação.

    ResponderExcluir
  7. Eu tinha visto esse livro, mas não tinha me interessado, pela capa e pelo título, até me render e ler essa semana uma resenha super positiva dele, depois li mais algumas e todas foram positivas também, igualmente a sua! Pretendo ler, com certeza é só sobrar uma graninha que vou compra-lo!

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Carla eu passo esse livro para o topo??? quero ler passarei lendo na época de festas, o colocarei na lista. XD
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Nao conhecia esse livro, achei o enredo muito bom! Sem duvida nenhuma, ja esta na minha lista!




    xx

    ResponderExcluir

 
Google+