20

[Resenha] Paixão de Primavera

em segunda-feira, 4 de novembro de 2013


Paixão de Primavera
Mary Kay Andrews
Editora Essência
414 páginas

Paixão de Primavera escrito por Mary Kay Andrews é um chick-lit fofo e viciante, impossível parar a leitura. É o primeiro livro que eu leio da autora e ela entrou para a minha lista de autores queridinhos e inesquecíveis.

Na história, conhecemos Annajane Hudges, uma mulher que tenta reconstruir a vida após o término do casamento. Convencida que o fim do casamento com Mason Bayless já faz parte do passado, Annajane se prepara para deixar a pequena cidade onde nasceu, Passcoe, para trás.  Ela está noiva de um homem atencioso e seus planos é recomeçar do zero, em uma nova cidade e em um novo emprego.

Mason está prestes a se casar com a bela, astuta e traiçoeira Célia, e Annajane decide assistir ao casamento, como prova de que o relacionamento que teve com Mason ficou no passado. É um belo dia de primavera, a cerimônia começa na igreja mais pitoresca da cidade... e Annajane percebe que seus sentimentos por Mason ainda são fortes. Mas o destino intervém, trazendo grandes surpresas para os protagonistas deste romance.

Annajane é uma mulher nascida e criada em uma cidade do interior. Conhece todos os costumes da pequena cidade Passcoe, e desde a adolescência foi apaixonada por Mason. Annajane é amiga Pokey, irmã mais nova de Mason, e as duas são inseparáveis, mantendo um laço de amizade mesmo no período em que tiveram distantes. Annajane é uma mulher madura, centrada, que sofreu muito com a separação do marido, e aos poucos, tenta reconstruir sua vida.

Mason é o filho mais velho da família Bayless, e por isso, sempre assumiu muita responsabilidade. A família Bayless é dono da fábrica de refrigerante Quixie, a maior empresa geradora de emprego da cidade de Passcoe. Mason sente que precisa honrar e preservar os valores criados pelos avós deste a abertura da empresa, e sempre é leal e responsável com a família. Mas Mason não é perfeito, e em alguns momentos, seu orgulho e egoísmo o mantiveram afastado da mulher que sempre amou.

O casal sofreu muito com o fim do relacionamento, e cada um deles, amadureceu com o tempo. Mas diversos fatos aconteceram nesse período de separação: ambos estão noivos e não acreditam que possam voltar a se relacionar. Será que eles conseguirão resolver todos os problemas e conseguirão enfim ficar juntos?

Sabe aquele livro que você começa a leitura e não consegue parar mais? Tem uma desculpa na ponta da língua para deixar algo para depois, apenas para ler mais um capítulo? Que simplesmente permanece na posição mais confortável possível, só para ficar lendo por horas? E durante a leitura, não percebe a passagem das horas? Paixão de Primavera é esse livro. Comecei a leitura após ler várias resenhas positivas sobre o enredo, e como sou uma pessoa naturalmente curiosa, passei o livro na frente de todos os outros. Quando percebi, li metade da história em poucas horas, e nem vi o tempo passar.

A autora escreve com graça, fluidez, criando uma trama gostosa, que prende e diverte o leitor. A história é narrada em terceira pessoa, essencialmente mostrando o que acontece com Annajane, mas temos algumas partes contando sobre os outros personagens. Confesso que queria mais páginas mostrando sobre os sentimentos de Mason, e até mesmo de Pokey, mas não tenho nada a reclamar das pequenas partes que a autora nos presenteou.

A história conta sobre o fim de um casamento, como certas atitudes podem minar a relação de qualquer casal. Mostra também sobre o amadurecimento de um relacionamento, sobre saber perdoar e deixar o orgulho de lado, como algumas vezes, queremos tanto ter a razão ou estar certo, e com isso, deixamos de viver. A história traz um romance maduro, sem frescuras, narrando os percalços impostos na vida de um casal, trazendo também as segundas oportunidades que a vida pode oferecer para reparar erros do passado. 

A autora não se prende apenas uma situação, e temos várias reviravoltas no decorrer da história. Aos poucos, ela trabalha o amadurecimento de todos os personagens, assim como, narra o que aconteceu no passado de cada um. A escrita da autora é clara e objetiva, e não temos enrolações na trama. O leitor não se sente cansado em nenhum momento na leitura e quer saber mais e mais do que aconteceu com os protagonistas. Os personagens secundários são ótimos! Impossível não se divertir com a espontânea e leal Pockey, ou com a doce Sophie. 

Em suma, Paixão de Primavera é um romance delicioso, que mostra sobre as dificuldades de um relacionamento e as oportunidades que a vida proporciona para conquistar a felicidade, assim como saber perdoar as faltas cometidas pelas outras pessoas. A capa escolhida para história é uma graça, e combinou perfeitamente com o conteúdo da trama. A autora é conhecida pelo livro “Aluga-se para a temporada” que eu faço questão de ler, pois fui conquistada por sua narrativa.

Para os leitores que estão buscando uma história leve e apaixonante, não podem deixar de conferir Paixão de Primavera. Tenho certeza que também será fisgado por essa viciante história.

Nota:
 



20 comentários:

  1. Oi Carlinha!

    É a segunda resenha que leio dessa trama a ambas positivas, fiquei curiosa, bjos!

    Te espero lá no meu cantinho, =D

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Achei a capa bem simples, o título bem legal já que em geral paixões passageiras costumam ser de "verões" e nunca de outra estação do ano, achei criativo e original. Mas como não gosto muito de romances, a história em si não me atraiu.
    Mas se a escrita da Mary Kay Andrews é boa, não custa nada procurar algum livro de outro gênero dela para ler.

    ResponderExcluir
  3. Carla, incrível como o gênero está em alta... Os livros são interessantes e gostosos de ler e esse não parece fugir à regra.

    Bjs, Isabela.

    ResponderExcluir
  4. Alessandra Miyuki Taira4 de novembro de 2013 22:30

    A julgar pela capa, nem sei se daria muita bola. Mas, a história parece ser muito linda e fofa mesmo. *-* Adoro situações em que os personagens crescem, que mostram o amadurecimento deles. Deve ser até mesmo uma lição de vida. Acho que preciso ler esse livro para, quem sabe, crescer junto no meu relacionamento, bons conselhos e boas histórias que nos fazem refletir é sempre bom e nunca é demais.

    ResponderExcluir
  5. Amo romance,sua resenha perfeita ,como foi citado pude observar a história simples mas envolvente por retratar fatos que envolve a nossa realidade;a escolha ,suas dificuldades,perdão,o fim do relacionamento o amadurecimento dos personagens ,coisa que é difícil muitas vezes na realidade!
    Já coloquei na minha lista!
    Beijinss!
    Rose Arts

    ResponderExcluir
  6. Michelli Santos Prado5 de novembro de 2013 17:29

    Olá Carla!!

    Nunca tinha ouvido falar desse livro mas amo romances e adorei sua resenha, com certeza irei procurar por este livro, pois me encantei por sua historia!!

    Beijocas ♥

    ResponderExcluir
  7. Nossa... esse livro tem um perfil digamos 'relaxante'... daqueles que lemos para descansar de intensas leituras anteriores. Que pegamos pra ler naquele dia chuvoso enroladinha no cobertor preparada para suspirar horas a fio. Realmente a história parece ser um mimo, não tinha lido resenha dele ainda... apesar de não gostar mt de chick-lit costumo abrir algumas exceções para dar uma refrescada na cuca, senão fico mais maluquinha do que sou... rsrs

    http://livrosromanticos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Gladys!
    A história é muito fofa!!
    Você vai gostar!
    bjs!

    ResponderExcluir
  9. Oi Mallu!
    Menina, essa capa é uma gracinha! E combina perfeitamente com a história \o/
    Não tem como não amar, rs.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Oi Isa!
    Você vai se apaixonar por essa história!
    bjs!

    ResponderExcluir
  11. Oi Alessandra!
    Sim, somos presenteados por vários momentos de reflexão, que nos levam a emoção \o/
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Oi Rose!
    Assim que conseguir, passe na frente de todos os outros, você vai amar!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  13. Oi Michelle!
    Você vai adorar! Depois me conta o que achou!
    bjs!

    ResponderExcluir
  14. Oi Raissa!
    Menina, se você ler nesse momento que descreveu, você não sairá da leitura por nada! É muito bom!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. Adoro esse genero de leitura sempre sao gostosinhos de se ler. Faz tempo que eu nao leio um livro dessa autora, vou colocar no meu skoob!




    xx

    ResponderExcluir
  16. Oi Jessica!
    A história é uma graça, você vai gostar \o/
    bjs!

    ResponderExcluir
  17. Oi Carla,achei a resenha maravilhosa!
    Adoro ler chick-lits porque são fofos, trazem personagens
    divertidos e leitura rápida!
    Com certeza quero ler e acompanhar a história de amor de
    Annajan e Mason, um livro que tem momentos de romance,amizade,amadurecimento,e
    momentos para refletir sobre o poder de tomar certas atitudes e como elas podem
    acabar com algo especial, gostei da capa e quero ler o próximo!
    Deve ser viciante acompanhar Annajane e sua história em que no fim o amor deve falar mais alto, e tem a questão da separação e amadurecimento do casal!

    ResponderExcluir
  18. Oi, Carla!

    Nunca tinha ouvido falar dessa autora! Gosto do gênero e esse livro parece ser bom. A temática que ele traz, de amadurecimento conseguiu me conquistar. Fiquei curiosa para saber se afinal os protagonistas voltam a ficar juntos. E já não gostei da Célia. rs

    ResponderExcluir
  19. Não conheço a autora Carla, mas se é um chick lit já gostei,rsrs! Sério, sou muito fã desse gênero, pois quando fico com alguma ressaca literária é o único gênero que me destrava total e consigo engrenar a leitura! Gostei da historia, é muito bom quando a gente le um livro e nem percebe o tempo passar né! Adorei sua resenha, vou procurar esse livro! :)

    ResponderExcluir
  20. Oi!
    Gostei da resenha e da sinopse, agora quero ler... quero saber das reviravoltas da história. Fala que Mason abandona a noiva do altar por favor kkkkkkkkkk
    bj

    ResponderExcluir

 
Google+