6

[Resenha] Separados

em quarta-feira, 8 de janeiro de 2014


Separados
Crônicas de Salicanda
Livro II
Pauline Alphen
Editora Seguinte

Separados escrito por Pauline Alphen é o segundo livro da série Crônicas de Salicanda, onde narra a história dos gêmeos Claris e Jad.

Após os acontecimentos finais do primeiro volume, Claris e Jad estão separados. Eles tomaram rumos diferentes em meio a confusão que tomou conta do castelo de Salicanda.
Jad está junto com o melhor amigo Ugh, em uma dimensão onde consegue se aproximar da frequência dos anjos e passa a vislumbrar a história dos Tempos do Antes. E Claris, agora com amnésia, vaga pela natureza na presença dos Elementais, tentando se lembrar de que é.

Os gêmeos trilham caminhos diferentes e fantásticos, sem saber se um dia voltarão a se reencontrar, cada um se aperfeiçoando em seus talentos.

A história é narrada em terceira pessoa, e mostra o que aconteceu com Jad, com Claris e o que Blaise está fazendo para encontrar os irmãos.

Nesse segundo volume, temos mais do sentimento dos personagens, o que eles estão sentindo com todos os acontecimentos finais do primeiro livro. É interessante acompanhar as reflexões que eles passam sobre o tempo em que eles vivem e com o Tempo de Antes (o tempo atual), onde mostra o uso excessivo da tecnologia, mostrando o seu lado destrutivo.

Infelizmente, a autora não conseguiu desenvolver o enredo nesse segundo volume, e poucas das perguntas foram respondidas, assim como aconteceram poucos fatos marcantes na história. O que é uma pena, pois a ideia trazida pela autora é ótima, mas ela não está conseguindo desenvolver.

É uma série que continuarei a acompanhar, torcendo para que alguns fatos marcantes aconteçam, assim como seja revelado mais do mistério da trama.

Nota:






6 comentários:

  1. Uma estória futurista onde não exista mais tecnologia é mesmo uma ideia muito legal. Pena que a autora não soube como desenvolver. Tinha tudo pra ser uma estória brilhante.
    Como eu disse na resenha do primeiro livro, a série não me interessou muito e isso não mudou ao descobrir o enredo do segundo. E nem o fato deles se separarem me deixou curiosa, coisa que geralmente acontece quando é dito uma coisa que não se pode falar pq seria spoiler (dá pra entender? O.o). Não é uma série que leria.

    ResponderExcluir
  2. Danielle CGA Souza9 de janeiro de 2014 15:37

    E quer dizer que nem o segundo melhora?
    Ela teve ideia legal e não soube desenvolver? Ao menos tem o lado bom: não aumento minha lista de desejados com estes livros. ahahaha
    Ah que capa psicodélica, hein? A anterior é melhor.


    Minha Velha estante

    Leitura Nossa de Cada Dia

    ResponderExcluir
  3. Essa resenha me desanimou um pouco em relação à primeira por, aparentemente, a autora manter o mesmo ritmo. Acho que a ideia de uma série é surpreender a cada novo volume e não ficar na mesma. Acabou de desaparecer o pouco interesse que eu tinha.

    ResponderExcluir
  4. Oi Rita!
    Ahhh eu queria tanto desse segundo livro o.O
    É uma pena...
    Bjks!

    ResponderExcluir
  5. Oi Dani!
    ahahah só você mesmo \o/
    Bjks!

    ResponderExcluir
  6. Oi Mallu!
    É uma pena, pois o enredo é promissor...
    Bjks!

    ResponderExcluir

 
Google+