3

[Resenha] Sob a Égide da Cruz

em sexta-feira, 14 de março de 2014


Sob a Égide da Cruz
Elizabeth Pereira
Pelos espíritos Sophie e Cristóvão
Vivaluz Editora
521 páginas

Final do século XIX. O Brasil vive os flagelos da escravidão. Almas nobres e elevadas se encontram na Terra em luta pela libertação: José do Patrocínio, Princesa Isabel, além de tantos heróis anônimos. Entre eles José Paulo e Clara. Duas almas que se buscam ao longo dos séculos, destinadas a viver plenamente o seu amor.

Ele, um cavaleiro da liberdade; ela, uma mulher à frente de seu tempo. Juntos, sob os céus do Cruzeiro, são conduzidos pelos ideais de igualdade, liberdade e fraternidade; e, finalmente, sublimam suas aspirações. As vitórias do amor são para sempre.

Sob a Égide da Cruz é mais do que um romance épico. Em suas páginas de grande realismo,passado e presente se fundem, proporcionando ampla compreensão das verdades espíritas. Uma trama onde orgulho, ciúme, traição e violência se defrontam com coragem, fé e resignação.

Das incontáveis batalhas, surgem as grandes realizações. Da união de duas almas, um amor que atravessou os séculos.

O romance espírita de Elizabeth Pereira é tão belo quanto o primeiro. Os personagens do romance Horizonte Vermelho vêm através do tempo, nascendo e renascendo e com o passar das encarnações, eles vão aprendendo com os erros e os corrigindo, vivendo novas experiências acertando algumas, errando outras tantas.

A beleza do romance vem da maneira como a autora transcreve, pois vem de detalhes em detalhes, trazendo uma belíssima e empolgante história de vivencia desses personagens sempre ligados entre si. Amigos e inimigos, reencarnando sempre juntos, vivencia em vivencia, mostrando que nossos atos são importantes no hoje e no amanhã.

Vale considerar que os fatos são vividos e contados com riquezas de detalhes abordando os fatos importantes no dia a dia dos envolvidos, e nos mostrando a importância do bem agir, pois a vida cobra o preço por nossos atos ruins e nos presenteia quando agimos no bem.

Vale a pena cada capitulo. É emoção do início ao fim.

O  livro pode ser lido separadamente, mas fica muito mais interessante se seguido a sequência, pois além de conhecer melhor a história de todos e poder viver a experiência juntos e na sequência dos fatos, você vai ser presenteado com uma bela história de emoção sem fim.

O romance é completo, o bem e o mal, o ontem e o hoje, a vida e a morte, o despertar de uma nova consciência. Vivencia que nos faz aprender, emocionar e gravar para sempre em nossos corações.

O enredo é belíssimo, a riqueza de conhecimentos e fatos de época tão importante para a história da humanidade e a visão e ensinamento espiritual é de primeira linha ou altíssima qualidade. Emoção não vai faltar!

Boa leitura!



3 comentários:

  1. Danielle CGA Souza17 de março de 2014 17:38

    Nossa mais um para me deixar com vontade.
    Bom saber que pode ler fora de ordem, mas tenho mania de ler séries de acordo com a cronologia, fica mais fácil de entender.
    Gostei da capa, mas a resenha foi a responsável por me fazer querer!!!

    Minha Velha estante
    Leitura Nossa de Cada Dia

    ResponderExcluir
  2. Dessa vez não me interessei pelo enredo, infelizmente. Mas para os fãs de romances espíritas parece uma história bem carregada e bonita. Adorei a resenha, falando nisso. Acho que é sempre mais difícil falar sobre livros que nos desperta várias emoções.

    ResponderExcluir
  3. Olá Rita!!
    Que demais esta historia deste livro, impossível não querer conferir esta historia por completo, amo demais livros deste gênero e este não conhecia!! Linda capa e historia, espero poder conferir assim que possível!!

    ResponderExcluir

 
Google+