3

[Resenha] Cuida de Mim

em quinta-feira, 15 de maio de 2014
Cuida de Mim
Daniela Sacerdoti
Editora Magnitudde
251 páginas

A vida de Eilidh Lawson está passando por uma séria crise. Após anos de tratamentos fracassados para engravidar, da traição de seu marido e de lidar com sua família egoísta, Eilidh entra em uma depressão pro­funda e fica sem chão. Desesperada e sem forças, ela busca amparo e conforto em uma pequena vila ao Norte da Escócia, onde reencontra pessoas queridas e uma vida que havia ficado para trás. Quando tudo parece perdido, Eilidh redescobre o amor pelo ser humano e por si própria e, então, coisas estranhas e forças sobrenaturais começam a aparecer. Com a ajuda de uma alma amiga, alguém que se foi, mas que mesmo assim quer ajudá-la a lutar contra os egos e os medos, Eilidh encontra seu verdadeiro amor. 

Após várias tentativas frustradas de tratamentos para engravidar, entre um aborto e outro, a vida de Eilidh Lawson chega a queda fatal, num ponto onde a luz  não chega e o seu fim está iminente, seu casamento também.

Três meses de muita tristeza, isolamento e a protagonista resolve largar tudo, marido, casa, família e a tentativa de engravidar, e parte para sua cidade natal onde viveu sua infância e nunca mais havia voltado para lá. Deixando seus amigos de infância e o seu primeiro amor.

Ao rever todos e enfrentar esse passado e a atual fuga, pois tinha que a todo momento justificar a todos o seu total fracasso, ela descobre o amor, reencontra seu antigo namorado de infância e sua filha e reescreve sua história.


Vale cada linha, cada parágrafo, o romance é belíssimo, você irá gostar, não deixando a desejar. O processo de superação e a virada de mesa que Eilidh dá é de emocionar. Não pretendo contar mais, pois estragaria a surpresa do livro. É um livro indicado para todos que adoram uma história emocionante.


3 comentários:

  1. Gostei da resenha Rita. Não conhecia o livro, mas a história parece ser ótima e emocionante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Rita,
    Desde que vi essa capa me interessei pelo livro, ainda não consegui para ler, mas sua resenha reavivou o desejo e pretendo correr atrás, o que complica é a lista enorme que tenho para ler. XD
    Adoro quando as mocinhas sofrem, mas conseguem superar e ver a beleza da vida mesmo com mudanças.

    ResponderExcluir
  3. Pela capa eu nao leria nunca, olha a cara da mulher de tedio... ja me induz a achar q a historia tbm é entediante kkkkk mas pela resenhe parece livros do Nicholas sparks ( que eu amo ) e acho q darei uma chance a ele tbm kkkk

    ResponderExcluir

 
Google+