3

[Resenha] Enfeitiçados pelo Desejo

em quinta-feira, 22 de maio de 2014
Enfeitiçados pelo desejo
Sylvia Day
Leya Brasil – Quinta Essência

Enfeitiçados pelo desejo escrito por Sylvia Day traz um romance erótico sobrenatural que tinha tudo para me conquistar, mas que teve um efeito ao contrário.

Após a perda do bruxo amante, Victoria, uma Familiar, se rebela contra o Conselho Superior de Feiticeiros e não aceita a submissão. Victoria consegue se transformar em uma gata e sua natureza é atender aos desejos de um feiticeiro, mas após o falecido amante transferir os poderes, ela apenas quer vingança.

Tentando acabar com essa insubordinação, o Conselho envia o mais poderoso feiticeiro, Max Westin. Ele deve caçá-la e submetê-la a seus desejos, conquistando a sua submissão antes de entregá-la ao Conselho Superior. Mas o desejo entre eles é maior do que qualquer coisa que já tenham sentido.

Juntos, eles enfrentarão os mais diversos perigos para conseguir a vingança tão sonhada por Victoria, assim como enfrentar as forças do mal que não hesitam em tentar separá-los. Será que eles conseguirão vencer todos os perigoso e conseguirem permanecer juntos?

A história é dividida três contos: Um tipo familiar de magia; Aquela Magia Negra; A mulher da magia negra. Cada um deles traz uma situação diferente que ameaça a felicidade do casal.

Como característica marcante da autora, o livro é recheado de cenas eróticas, evidenciando a submissão involuntária de Victoria e quanto Max está disposto a atender todos os desejos de sua mulher. A história conta alguns elementos além do romance, como o sobrenatural, a ameaça a vida do casal, e os próprios protagonistas deixando velhos conceitos de lado para ficarem juntos. Vários elementos que poderiam compor um romance erótico com conteúdo, conquistando a todos os leitores, mas não foi isso que aconteceu.

Correndo o risco de receber criticas dos fãs da autora, faltou enredo neste livro. A autora se preocupou em descrever e rechear os livros com as cenas eróticas, deixando o romance raso e os personagens sem profundidade. O casal se apaixona rapidamente, e fiquei pensando se perdi algum detalhe em uma página e outra, onde focou o relacionamento na satisfação de seus desejos, sem evidenciar o envolvimento entre eles.

Eu sei que a autora é conhecida por essa característica, e não me importo de encontrar isso nos livros, mas esperava um pouco mais da trama, desde que li que eles sofreriam algumas ameaças e também buscariam vingança.

Se o leitor está buscando um romance sobrenatural erótico, talvez encontre no livro aquilo que não consegui ver durante a leitura. Mesmo não sendo conquistada por essa história, continuo a ler todos os livros publicados pela autora (risos).

Nota:





3 comentários:

  1. Oi Carla,
    Acredita que não li nada desta autora? E nem tenho vontade, não faz meu estilo, apesar deste ter a questão sobrenatural que me chamou atenção a superficialidade me deixou desanimada.
    A capa é legal e não leva a pensar em erótico, né?

    Minha Velha estante
    Leitura Nossa de Cada Dia

    ResponderExcluir
  2. Eu nunca li nenhum livro dessa autora, mas nem tenho vontade de ler. Ja li 50 tons de cinza e cheguei na conclusao q livros Hot nao é pra mim kkkkkkkkk amo romance, mas nao preciso saber de cada detalhe do casal nao kkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. De modo geral, eu gosto da Sylvia Day. Acho que ela escreve (muito melhor que média das autoras de eróticos) mas, ao mesmo tempo, tenho a impressão de que falta sempre "algo" nas histórias dela. Eu estou com esse livro mas ainda não tive tempo de ler. Vamos ver. :P

    bjs!

    Thaís

    ResponderExcluir

 
Google+