18

[Resenha] Um Razão Para Respirar

em sexta-feira, 4 de julho de 2014
Uma razão para respirar
Trilogia Breathing
Rebecca Donovan
Editora Pandorga
493 páginas

Uma razão para respirar escrito por Rebecca Donovan traz uma história perturbadora e envolvente, sobre uma jovem que luta para sobreviver diante da violência doméstica.

Emma Thomas é uma jovem que prefere não ser percebida pelas pessoas. Perdeu um pai ainda criança, e foi abandonada pela mãe devido ao vício do álcool. Agora, ela vive com o tio e tia, mas sente que some um pouco a cada dia, devido a violência que sofre dentro de casa.

Sempre a usar mangas longas, para deixar pouco da pela a mostra, Emma presta atenção nas aulas como se fosse a única taboa de salvação. Ela precisa ter as melhores notas para conseguir uma bolsa e estudar em alguma faculdade bem longe da casa em que mora.

As pessoas não notam o drama em que ela vive, e se notam, procuram não comentar. A única pessoa que está ao seu lado é a melhor amiga Sarah, que mesmo quando Emma não diz em voz alta o que aconteceu, percebe apenas de ver a jovem.

Mas um jovem rapaz, Evan Mathews, o novo aluno do colégio, começa a ver Emma, e faz com que ela comece a sentir algo que nunca imaginou que sentiria: esperança. Evan sempre está por perto, fazendo de tudo para conhecê-la, mesmo diante da fragilidade que ela esconde. E quando Emma encontra o amor, ela teme que a terrível verdade seja dura demais para Evan aguentar.

Ainda estou sem saber como classificar essa história, que mescla romance, drama, uma pitada de suspense, abordando um assunto polêmico que algumas vezes, preferimos não nos intrometer.

Constantemente, Emma sofre o abuso por parte da tia, e sua confiança está tão abalada, que ela apenas sente medo e não consegue revidar. Esconde sua falta de coragem atrás da desculpa que a denúncia pode prejudicar os dois primos mais novos que vivem junto com ela. Não existe motivo, desculpa, ou qualquer fato que justifique a agressão por parte da tia, e os motivos mais insignificantes são gatilhos para que ela desconte a sua fúria.

O enredo é duro, deixa o leitor com raiva diante da cegueira das pessoas, principalmente daqueles que vivem dentro da própria casa. Não vou mentir, o medo e a passividade de Emma me irritaram, pois por mais que não saiba qual a minha reação diante dos fatos, eu não deixaria tomar a proporção que tomou.

Evan é uma lufada de ar fresco, uma esperança, um ponto de equilíbrio que faz com que Emma sinta a vontade de querer sentir, de viver. Mesmo diante do medo de perder a única pessoa que a faz sorrir, ela agarra a esse sentimento, e podemos ver o quão bem a influência de Evan faz com ela.

O enredo é delicado, envolvente, a narrativa de Rebecca faz com que o leitor sinta a fragilidade emocional e psicológica de Emma. Dá uma vontade imensa de abraçar a jovem e levar para casa, prometendo cuidar até que ela possa sobreviver sozinha.

A autora termina a história de uma forma onde eu fiquei desesperada para saber a continuação, e a minha alegria que a publicação do próximo volume está próxima. Apenas preciso aguardar até a Bienal de São Paulo.

Em suma, Uma razão para respirar é um livro tocante, que machuca, que nos faz sorrir, a ter esperança, e acima de tudo, de olhar com mais atenção as pessoas ao nosso redor.

Nota:



18 comentários:

  1. O tema deste livro e uma realidade de muitos jovens infelizmente, e como a protagonista mostra muito bem essa realidade com drama, misterio e uma paixão colegial e a autora junta tudo isso em um otimo livro de drama que nos faz pensar na realidade ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriel!
      Infelizmente, é a realidade de muitos :'(
      Bjks!

      Excluir
  2. Ai eu preciso ler esse livro!!! Eu comprei numa promoção e deixei de lado, mas depois dessa resenha estou curiosa pois deve ser um livro bem interessante!!!

    Abraços
    Lu Apaixonada por Romances Numa oportunidade, passa lá e me visita... Comente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu!
      Você vai gostar, a história é muito boa \o/
      Bjks!

      Excluir
  3. Adorei o foco do livro,voltado pra fragilidade e as marcas na vida de pessoas,no caso a Emma, que sofrem esse tipo de violência até chegar alguém ou algo em sua vida e ela ter esperanças novamente.A hora que li a resenha a primeira coisa que venho na minha cabeça foi Harry Potter,acho que pelo fato de ele também morar com os tios e eles o odiarem,mas bem esse romance/drama não tem nada de mágico a não ser o maravilhoso Evan que apareceu dessa forma na vida de Emma.Fiquei curiosa com o livro,só espero que a personagem principal não me canse,sendo uma garota ingênua e passiva num nível fora do normal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia!
      Estou curiosa com a continuação para saber como a autora evoluirá a personagem, depois de tanta violência que sofreu.
      Bjks!

      Excluir
  4. Ainda não comprei o livro infelizmente mas uma amiga me emprestou e eu amei o lviro, achei muito triste e angustiante muitas partes, fiquei com vontade de dar na cara do tio..que não fzia nada..não é possivel que morando na mesma casa não percebesse nada. Tive tanta raiva dele quanto da tia...
    QUero muito a continuação, esperando ansiosa, beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Neny!
      Eu fiquei com o coração na mão!!
      Bjks!

      Excluir
  5. Gostei da resenha Carla. Parece ser um drama bem sensível e tocante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van!
      Eu acredito que você vai gostar dessa trama \o/
      Bjks!

      Excluir
  6. Primeiramente, Carla suas resenhas são incríveis! Sempre vejo uma crítica verdadeira, e que faz ter uma visão mais amplificada do que vai ser o livro, muitas vezes me dando vontade de ler o livro ou me desanimando(hahaha .-.).
    A Emma e sua história me fez lembrar um pouco da história de Melinda, do livro "Fale" e que é muito tocante e emocionante, mas Uma razão para respirar parece ser mais tocante ainda e angustiante! Gosto desse tipo de livro, me faz pensar, refletir e as vezes até imaginar se talvez alguém "do meu lado" pode está passando por um situação parecida.

    Beijos! escritoraporumacaso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lara!
      Nossa, muito obrigada =D
      Você lembrou de outro livro que impacta! A história de Fale é muito sensível também \o/
      Bjks!

      Excluir
  7. Oi Carla!
    Quando vi esse livro não imaginei que a história seria tão intensa! Agora fiquei com vontade de ler.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sora!
      Eu adorei esse enredo, e não vejo a hora da continuação =D
      Bjks!

      Excluir
  8. Eu havia solicitado este livro para leitura e resenha, mas acho que a editora esqueceu de mim...sniff. Queria tanto ler também.

    Beijo, Van - Blog do Balaio
    balaiodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van!
      Você vai adorar, a história é ótima!
      Bjks!

      Excluir
  9. OI Carla,

    Eu tenho esse livro na estante, mas ainda nao li. Não vejo a hora de começar a ler. Mas, como me envolvo demais com os personagens, preciso ler quando estiver num periodo bem alto astral, senão, fico deprimida, rss. MAS precio ler logo, preciso saber como Emma sai dessa. E eu não sabia que tinha continuação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Katia!
      Eu te entendo, eu acabo ficando abalada com algumas leituras =D
      São três livros o.O E não tem como, você precisa ler com a continuação do lado \o/
      bjks!

      Excluir

 
Google+