2

[Resenha] Cinder

em sexta-feira, 5 de setembro de 2014
Cinder
Crônicas Lunares – vol. 1
Marissa Meyer
Rocco Jovens Leitores
446 páginas

Cinder escrito por Marissa Meyer é o primeiro volume da série Crônicas Lunares, onde acompanhamos a história de Cinder, uma jovem metade humana e metade ciborgue.

Em mundo futurista, onde a sociedade tenta se reerguer após uma Quarta Guerra Mundial, os humanos precisam conviver com a constante ameaça que vem dos lunares, um povo que vive na Lua. Além dessa ameaça, os humanos procuram uma cura para a lemutose, uma terrível doença de causa desconhecida que estava deixando milhares de mortos.

É nesse mundo que encontramos Cinder, uma jovem de dezesseis anos que é considerada uma abominação tecnológica para sociedade e um fardo para a madrasta. Cinder tem partes mecânicas em seu corpo que lhe garantem a sobrevivência, além da interface do seu cérebro lhe dar a incrível capacidade de consertar tudo – robôs, aparelhos eletrônicos, as próprias partes desgastadas do corpo. Ela é considerada a melhor mecânica de Nova Pequim, e sua fama atraiu o jovem herdeiro do Império, o príncipe Kai, que vai até o estande solicitando o conserto de um antigo robô.

Cinder quer consertar o robô de Kai, mas sua meia-irmã Penny é infectada pela febre azul e a vida de Cinder muda drasticamente. Culpando-a pelo que aconteceu a Penny, a madrasta de Cinder a entrega como voluntária para as pesquisas da doença, onde sabe que não sobreviverá. Mas logo os pesquisadores descobrem algo incomum em Cinder que faz com que a vida da jovem valha muito mais que todos podiam imaginar.

Desde que vi a capa do livro, assim como a sinopse, fiquei curiosa com o enredo de Cinder, e posso dizer que não me decepcionou. Com um toque de Cinderela com paisagens futuristas e ciborgues, encontramos uma jovem que foi maltratada pela única família e que tem um importante destino para a humanidade.

Mesmo com alguns momentos clichês e até mesmo previsíveis, Cinder me conquistou totalmente desde a primeira página. Onde encontramos uma jovem que não é perfeita nem bela, que é excluída da sociedade pelas partes mecânicas do corpo.

O romance é sutil, suave, sem ser o foco do enredo. A autora se preocupa em mostrar toda a trama, quais são as ameaças desse mundo e o que pode se esperar de governantes e da população.

Cinder termina em um dos melhores momentos do livro, e estou ansiosa para ler a sequência. Fui conquistada por esse romance YA, desde os personagens até todo o mistério da trama. Cinder é um livro que se destaca entre tantos, devido a uma trama que mescla o clássico dos contos de fadas, com aventuras e um mundo futurista. Impossível parar a leitura.

Nota:



2 comentários:

  1. a resenha está ótima..
    mas não sei..
    não fui muito com a cara desse livro..
    não rolou uma química entre nós..

    ResponderExcluir
  2. Noooossa 4 guerra mundial ????
    Caramba ja adoooorei livro ahaha

    BLOG- http://b-maluco.tk/
    INSTRAGRAM- http://instagram.com/omundodejess
    weheartit- http://weheartit.com/Gikura_Viey

    ResponderExcluir

 
Google+