3

[Resenha] Paixão ao Entardecer

em quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015
Paixão ao Entardecer
Os Hathaways – vol. 05
Lisa Kleypas
Editora Arqueiro
272 páginas

Paixão ao Entardecer é o quinto e último volume da série Os Hathaways, escrito por Lisa Kleypas, onde cada volume acompanhamos o romance de um dos irmãos dessa família que adoramos amar.

A série se encerra com chave de ouro, deixando aquele gostinho de quero mais, um sentimento que nos despedimos de uma família querida, onde agora, todos os membros encontraram a felicidade nos braços da pessoa amada.

Beatrix não vê mais esperança de um dia conseguir se casar, mesmo sabendo que todos os irmãos se casaram, até mesmo Leo, que era o mais avesso a essa ideia. Dona de um espírito livre, apaixonada por animais e pela natureza, Beatrix se sente muito mais à vontade ao ar livre do que em salões de baile. E, embora já tenha frequentado as temporadas londrinas e até feito algum sucesso entre os rapazes, nunca foi seriamente cortejada, tampouco se encantou por nenhum deles. Beatrix é inteligente, determinada, gentil, e mesmo atraindo os mais diversos rapazes, eles não se sentem perdidamente apaixonado por ela.

Mas tudo isso pode mudar quando ela se oferece para ajudar uma amiga. A superficial Prudence recebe uma carta de seu pretendente, o capitão Christopher Phelan, que está na frente de batalha. Mas parece que a guerra teve um forte efeito sobre ele, e seu espírito, antes muito vivaz, se tornou bastante denso e sombrio. Prudence não tem a menor intenção de responder, mas Beatrix acha que ele merece uma palavra de apoio – mesmo depois de tê-la chamado de estranha e dito que a jovem é mais adequada aos estábulos do que aos salões.

Decidida a responder a carta em nome da amiga, Beatrix não imaginava o poder que as palavras trocadas teriam sobre eles. E entre uma carta e outra, ela se apaixona pelo homem que um dia a menosprezou, e ele, se apaixona pela jovem inteligente e vivaz que responde suas cartas, sem saber quem realmente a está escrevendo.

De volta como um aclamado herói de guerra, Phelan está determinado a se casar com a mulher que ama. Mas antes disso vai ter que descobrir quem ela é.

Com uma narrativa única, mesclando romance, diversão, drama e sensualidade nas doses certas, acompanhamos o último romance dessa série, entre a determinada Beatrix e o soldado Christopher.

Já conhecíamos Beatrix dos outros livros, e sempre fiquei a imaginar como seria seu romance, como seria o homem que conseguiria abalar as estruturas da jovem. Christopher é um homem que sofre os tormentos do fim da guerra, e sua única luz entre as atrocidades, foram as cartas escritas por Beatrix. Aquelas palavras sinceras, carregadas de emoção foram o bálsamo necessário para aguentar os tormentos, e agora, apaixonado pela mulher que escrevia aquelas cartas, volta buscando o consolo e o amor que um dia sentiu.

Confesso que sofri junto a Beatrix quando percebe onde sua inocente mentira a está levando, assim como fiquei na expectativa para acompanhar o momento onde Christopher descobriria a verdade. Cada encontro do casal, seus diálogos, a forma como Beatrix aos poucos faz com que Christopher volte a se sentir vivo, me emocionaram, e foi uma tortura quando a história se aproximava do final.

A série Hathaway é muito mais que um romance de época. É um livro que fala sobre amor, família, amizade, perdão, solidariedade. Fala sobre os mais puros sentimentos, e que o amor pode curar qualquer mágoa ou ferida. A família Hathaway marcou a memória de muitos leitores, com seu jeito simples, divertido, fora do comum, tocando fundo o coração dos leitores.

Como uma leitora apaixonada, que vibra no final de cada romance, mesmo tendo a certeza do final feliz, digo que Os Hathaway da Lisa Kleypas é a série livro essencial para todos os leitores que gostam de histórias envolventes e que tocam a alma.


Com aquele sentimento de saudade, Paixão ao Entardecer encerra essa série magistralmente. Agora resta o leitor aguardar alguns meses para a publicação da próxima série da Editora Arqueiro: Wallflowers.

Nota:



3 comentários:

  1. Muito amor por esse livro! Os Hathaways vão deixar saudades, né?

    bjs!

    Thaís:)

    ResponderExcluir
  2. Gostei da resenha Carla. Já li o primeiro livro dessa série e me apaixonei pelo enredo! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  3. Não li nenhum livro da série ainda, porque infelizmente não me surgiu a oportunidade. Mas tenho muita curiosidade, pois a premissa de um personagem diferente a cada volume me deixa bastante motivada, é inusitado e eu acho que dá pra ter uma visão melhor de todo o enredo desse modo, gosto bastante. As capas são lindas, ficariam maravilhosas na minha estante hahahahaha

    ResponderExcluir

 
Google+