6

[Resenha] Ligeiramente Maliciosos

em quarta-feira, 8 de julho de 2015
Ligeiramente Maliciosos
Os Bedwyn – vol. 02
Mary Balogh
Editora Arqueiro
288 páginas

Ligeiramente Maliciosos escrito por Mary Balogh é o segundo volume da série Os Bedwyn, onde em cada volume, acompanhamos um romance de época, centrado em um dos irmãos dessa importante família.

Após sofrer um acidente com a diligência em que viajava, Judith Law fica presa à beira da estrada no que parece ser o pior dia de sua vida. Ela estava indo morar com a tia, para que pudesse diminuir as despesas da família. Devido aos gastos do único filho da família, Judith aceita morar na casa da tia rica, para cuidar da avó, sendo assim uma parente pobre morando na residência.

No entanto, sua sorte muda quando é resgatada por Ralf Bedard, um atraente cavaleiro de sorriso zombeteiro que se prontifica a levá-la até a estalagem mais próxima. Filha de um rigoroso pastor, Judith vê no convite do Sr. Bedard a chance de experimentar uma aventura e se apresenta como Claire Campbell, uma atriz independente e confiante, a caminho de York para interpretar um novo papel.

A atração entre o casal é instantânea e, num jogo de sedução e mentiras, a jovem dama se entrega a uma tórrida e inesquecível noite de amor. E as poucas horas que passam juntos, os modificam totalmente. Judith só não desconfia de que não é a única a usar uma identidade falsa.

Ralf Bedard é ninguém menos do que lorde Rannulf Bedwyn, irmão do duque de Bewcastle, que partia para Grandmaison Park a fim de cortejar sua futura noiva: a Srta. Julianne Effingham, prima de Judith. Rannulf não imaginava se sentir tão atraído pela jovem atriz que encontrou na estrada, que se veste com simplicidade, e que mostra uma inteligência e carisma singular.

Quando os dois se reencontram e as máscaras caem, eles precisam tomar uma decisão: seguir com seus papéis de acordo com o que todos consideram socialmente aceitável ou se entregar a uma paixão avassaladora?

Simplesmente fui arrebata por esse romance!

Logo no início, quando acompanhamos o tórrido romance entre o casal, permeado de diversas mentiras, já podemos prever as confusões que acontecerá no decorrer da história. Clichê? Quem se importa? Independente de já prever o que aconteceria durante a trama, fiquei ansiosa e com o coração na mão até o desfecho.

Judith é uma jovem que foi criada para pensar que seu cabelo ruivo e suas curvas deveriam se mantidas escondidas para não atrair os olhares masculinos. Devido a condição financeira da família, ela não foi apresentada para a sociedade londrina, e com isso, já perdeu o sonho de um dia se casar. Para que as irmãs tivessem a chance de ter um matrimônio, ela se sacrifica indo viver de favor na casa da tia sabendo que não viveria como uma hóspede, mas como uma empregada.

Rannulf sabia que assim que encontrasse a avó, ele teria que tomar uma decisão importante: se casar. Ele só deixaria a avó tranquila quando estivesse casado, e quem sabe, com um filho a caminho. Mas como se interessar pela moça que deve cortejar, quando ainda se lembra da noite de amor que viveu com Judith?

Entre erros e acertos, beijos roubados, conversas reveladoras, sentimentos aflorados, acompanhamos o romance entre Judith e Rannulf, um casal que terá que derrubar as próprias barreiras do medo e do preconceito para viverem juntos.

Como são de classes sociais distintas, sabem da dificuldade de manterem um relacionamento. Ao mesmo tempo, estão apaixonados e não sabem o que fazer com esse sentimento. E o leitor sofre junto com os protagonistas, acompanhando seus medos e anseios.


Mary escreve com maestria, construindo personagens marcantes, com enredos emocionantes e que fazem suspirar. Foi impossível para mim, não devorar as páginas, assim como torcer pelo casal em cada momento desse volume. Para os leitores apaixonados por romance de época, não pode deixar de conferir essa série da Mary Balogh, tenho certeza que também serão conquistados.

Nota:


6 comentários:

  1. Olá, Carla.
    Esse livro me chama a atenção pois quero ver como se desenrolará o relacionamento, mesmo os personagens estando em classes sociais bem diferentes. Além disso, o livro parece ser bem envolvente.
    Excelente dica.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!
      Esse livro é muito bom!!
      Você vai gostar!
      Bjks!

      http://www.historias-semfim.com/

      Excluir
  2. Oi Carla!
    Adoro romance histórico, gostei muito de conhecer este. Que bom ter te conquistado tanto! :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com | Participe do sorteio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani!
      E vai te conquistar também \o/
      Bjks!

      http://www.historias-semfim.com/

      Excluir
  3. Aiiiiii Carla, nem me fale. Estou louca pra ler esse livro. Tenho certeza que vou gostar. Amo romances de época e apesar de muitos acharem meio clichê eu não me importo. Além disso, acredito que a autora soube conduzir muito bem a história desse livro, ainda mais depois do que você apontou no último paragrafo da resenha.

    Beijos
    Vento Literário / No Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nathalia!
      Eu estou adorando cada volume publicado! Não tem um que eu não tenha gostado \o/
      Bjks!
      http://www.historias-semfim.com/

      Excluir

 
Google+