5

[Resenha] Moriarty

em segunda-feira, 4 de janeiro de 2016
Moriarty
Anthony Horowitz
Editora Record
350 páginas

Moriarty
escrito por Anthony Horowitz traz uma história de suspense e investigação que prende a atenção do leitor do começo ao fim, onde cada detalhe deixa a curiosidade fica a mil para descobrir o mistério da trama.

A história se inicia relatando os fatos que são conhecidos sobre o fatídico dia em quem  Holmes e seu arqui-inimigo Moriarty encontrarem seu fim nas cataratas de Reichenbach. Quem desconhece o que aconteceu na última história de Sherlock Holmes, o primeiro capítulo traz detalhes interessantes, que são importantes para a compreensão da história. 

O investigado do caso é Federick Chase, um detetive da Agência Pinkerton, que chega à Europa vindo de Nova York. A morte do professor Moriarty deixou um vazio no poder que logo foi preenchido por um novo gênio do crime, que ascendeu para tomar o lugar do rival de Holmes. Todo detalhe é importante para descobrir que pode ser o próximo gênio do crime, que queira assumir o manto deixado por Moriarty.

Auxiliado pelo inspetor da Scotland Yard Athelney Jones, um devoto estudioso dos métodos de investigação e de dedução de Holmes, Frederick Chase precisa trilhar um caminho através dos cantos mais escuros da capital inglesa para lançar uma luz sobre essa figura sombria, um homem temido, mas raramente visto, determinado a dominar Londres em uma onda de ameaças e assassinatos.

Os dois homens unem forças para abrir um caminho através das ruas sinuosas de Londres vitoriana – das praças elegantes de Mayfair para os cais e becos sombrios das Docks em busca dessa figura sinistra, um homem muito temido, mas raramente visto, que é determinado a estabelecer seu nome como sucessor de Moriarty.

A história é sensacional, riquíssima em detalhes, onde traz dois protagonistas de extrema inteligência e observadores, onde nenhum detalhe passa dos olhares atentos dos dois. A leitura flui com rapidez, onde foi impossível parar até chegar a última página e descobrir o mistério da trama.


Aviso antecipadamente que o leitor precisa estar preparado para o final, pois irá surpreender. Para os leitores que são fãs das histórias de Sherlock Holmes, precisam conferir essa trama investigativa, onde cada detalhe é importante. Um ótimo livro especial para os fãs do Holmes.

Nota:



5 comentários:

  1. Hummm, olhando para a capa eu imaginei que fosse um livro de fantasia, mas que surpresa, é um suspense e pelo visto dos bons! Vai pra fila de 2016, hehe.

    Beijo, Vanessa Meiser - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Menina, preciso ler todos os livros do Holmes e colocar esse na fila também! Faz anoooos que não me aventuro por romances policiais. Adorei saber que os dois são observadores, é legal que nós podemos saber mais também enquanto lemos.
    Beijooo

    ResponderExcluir
  3. Oie!!!
    Acho que já ouvi falar do livro algumas vezes, nunca li os livros do Sherlock, Mas amo a série de TV e por isso pretendo lê-los assim que possivel.
    Amei sua resenha ;)
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Sou fã do Holmes, mas ainda não li nada dele, acredita?
    Gostei muito da sua resenha e da premissa do livro, bacana saber que o final é inusitado. Isso sempre me instiga a ler *-*
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi!! Esse livo parece ser ótimo fiquei mega animada para ler, já que sou uma super do Holmes. Beijos
    http://www.fadasliterarias.com.br/2017/02/pelos-olhos-de-donavan-resenha.html

    ResponderExcluir

 
Google+