28

[Resenha] Um Dia Existimos

em domingo, 3 de janeiro de 2016
Um dia existimos
As crônicas híbridas – vol. 02
Kat Zhang
Galera Record
304 páginas 

Um dia existimos escrito por Kat Zhang é o segundo volume da trilogia As Crônicas Híbridas, que narra um enredo sobre uma sociedade onde duas almas coexistem em um único corpo. Uma trama distópica, passada num futuro onde pessoas com duas almas habitando o mesmo corpo.

Considerados instáveis e perigosos, os híbridos foram perseguidos e eliminados das Américas. As fugitivas irmãs Addie e Eva encontram abrigo com um grupo de híbridos que coordenam um movimento de resistência. Apesar dos conflitos envolvidos em dividir um corpo, ambas estão animadas para se juntar à revolução.

Eva sabe que tem sorte em ainda estar viva, pois com o tempo, a alma recessiva desaparece. Quando essa situação chega até o governo, o mesmo a apreendem para tentam resolver essa situação. No entanto, elas tornam fugitivas e encontram abrigo em um grupo de híbridos como elas, que coordenam um movimento de resistência.

Aos poucos, elas aprendem a “desaparecer” temporariamente para que cada uma possa ter privacidade, e ter os momentos que não querem compartilhar com a outra. Eva quer ter seu momento ao lado de Ryan, ao mesmo tempo, sente uma crescente separação com Addie.

Com o envolvimento entretanto, surgem as dúvidas: até que ponto Addie e Eva estão dispostas a usar da violência em nome dessa causa?

Um dia existimos volta a ser uma surpresa entre as leituras de 2015, trazendo uma trama que não decepciona em detalhes ou em situações que levam a reflexão. Kat traz um livro que fala sobre identidade, aceitação, não se deixando abater por uma sociedade que não aceita o diferente. A narrativa da autora é carregada de emoção e questões filosóficas, sobre como aceitar que uma alma que nasceu com você, compartilhando todos os momentos importantes, possa deixar de existir. É interessante acompanhar a diferença entre as irmãs assim como elas são muito ligadas, mas também querem um momento de privacidade.

Eva quer encontrar uma forma de ficar ao lado de Ryan, mas também não quer magoar a irmã que cada vez está mais distante. O chama a atenção é que mesmo sendo duas almas habitando o mesmo corpo, elas não conseguem ler a mente uma da outra, evidenciando a diversidade entre elas.


A continuação aprofundou sobre as questões da Resistência, assim como o desejo de individualidade entre Addie e Eva. Estou curiosa com o próximo volume para saber como será a conclusão dessa trilogia, e descobrir o que acontecerá com essas irmãs que tanto estão me conquistando.

Nota:

28 comentários:

  1. Olá!
    Uau! Essa historia me deixou realmente curiosa sobre esse livro, duas almas no mesmo corpo me.lembrou muito o livro A Hospedeira, mas claro que nesse livro são duas almas e uma n 3 alienígena como em A Hospedeira. Parece ser muito bom. Fico imaginando o que aconteceria se cada uma delas se apaixonasse por um cara diferente :O nossa adorei mesmo o livro e a resenha, quero ler!

    Beijos!

    http://cantinhodacult.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gostei da resenha Carla. Confesso que não sou lá muito fã de distopias, mas essa me pareceu ser interessante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  3. Oii
    Não conhecia essa serie e simplesmente ameeei essa capa ^^ Não sei se é impressão minha mas achei o enredo do livro meio que parecido com A Hospedeira da Stephanie Meyer...

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2015/12/resenha-primeira-chance-abbi-glines.html

    ResponderExcluir
  4. Caramba. duas almas em um corpo? que diferente, Eu não costumo gostar de distopias mas esse livro me chamou atenção, quando vi a capa achei estranha e não dava nada pelo livro, mas olha, sua resenha!!! que resenha mais instigante, fiquei completamente louca para ler esse livro. Se já acho difícil uma história como essa render um livro inteiro, imagino uma trilogia, não digo render como sendo algo ruim, tipo difícl leitura, chato ou faltar história paa encher um livro, mas digo, gentem de onde sai tanta criatividade para fazer uma trilogia com uma história inusitada e curiosa como essa? super quero ler todos os livros.

    ResponderExcluir
  5. Oi, confesso que quando vi que era o segundo fiquei meio assim de ler com medo de estragar sobre o primeiro. A capa desses livros sempre chamaram minha atenção, no entanto eu nunca peguei para ler... Após ler sua resenha eu fiquei bem curiosa e me lembrou um pouco A hospedeira isso de duas em um mesmo corpo k Então está adicionada com sucesso a minha leitura, mas acho que esperarei lançarem o último pra poder ler tudo e não sofrer esperando o resto kk
    Beijos
    - Bruna
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    É uma história bastante diferente, e apesar de eu gostar muito de distopias, não me agradei muito dessa. Gosto de coisas mais reais, mas isso vai do gosto mesmo de cada um.
    Beijos, Lara.
    http://www.imperio-imaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia essa distopia, como assim? Eu achei demais esse lance de duas almas no mesmo corpo, quero muito conferir a obra, adorei mesmo o enredo.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Que bela resenha!
    E essa capa maravilhosa? Meu deus, me deu agonia. Eu adoro distopias e essa me parece bem diferente do convencional, o que acabou me agradando muito. Não to suportando mais ler distopias genéricas. Gostei bastante da indicação e vou procurar o primeiro livro da série. :)

    ResponderExcluir
  9. O livro me chamou atenção pela capa e só depois fui compreender porque nela existem duas faces. Um história bem incomum para os livros que são escritos atualmente. Nunca li nada sobre seu livro anterior. Distopias estão ganhando na minha lista e na estante, mas elas estão começando a ficar comuns demais e esse e parece um livro que foge disso. Vou procurar saber mais sobre ele.

    ResponderExcluir
  10. Uma bela história, com certeza. Engraçado que, podemos estar num passado distante ou num futuro, que certas coisas sempre vão aparecer... incrivel como a sociedade sempre acaba moldando a vida de mta gente, independente da época em que se vive. Gostei mt da sua resenha e espero poder ler esse livro um dia. Bjks!
    Hanna Carolina.

    ResponderExcluir
  11. Nossa!! Carla!
    Adorei a sua resenha e a sinopse do livro. Ainda não tive o prazer de ler o primeiro livro dessa distopia, mas pretendo ler o mais rápido possível.
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  12. Oiee ^^
    Estou doida para ler o primeiro livro, não sabia que tinha uma continuação *-* Também não sabia que era uma trilogia. A premissa parece muito boa, e o fato de ser uma distopia já me ganhou...haha' espero gostar da história também, e espero que o terceiro livro seja maravilhoso ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oiii, eu achei a premissa bem curiosa e diferente, interessante. Não li nada (nem resenha) com essa proposta. E essa capa... não tem como falar mais pelo livro, adorei ela. Só fiquei confusa, são duas irmãs dentro de uma só ou duas irmãs com duas em cada uma ? kkkk
    -Mari

    ResponderExcluir
  14. Oi, eu não conhecia essa série,
    acho até que nunca vi nenhuma resenha sobre ela.
    Adorei essa capa, é linda, só por ela eu já leria, hauhauha
    Mas vendo a sua resenha, percebo que talvez fosse gostar do que ia encontrar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Eita que hestória confusa, não sei se entendi muito bem o que ta rolando na trama, mas me perdi um pouco. Não conhecia o livro, muito menos sabia que era uma série... rssr... Parece ser bem interessante, mas eu viajei legal. Vou pesquisar mais sobre pra ver se me encaixo.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  16. Oiii
    Duas almas no mesmo corpo? muito interessante! Adoro distopias e essa despertou minha curiosidade. Vou procurar saber sobre o vol. 1 para decidir se leio ou não!
    Bjus

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Ainda não conhecia essa trilogia, e achei esse tema bem diferente, afinal, duas almas no mesmo corpo o.O
    Vou ver se acho mais informações do primeiro pois sua resenha me chamou bastante atenção pra série ^^

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  18. oooiii, tudo bem? Amei a resenha, e eu adoro trilogias, mesmo sempre nelas eu acabar me decepcionando, não sei se esse seria o caso dessa trilogia, mas se eu encontrar esse livro para comprar nos lugares que eu frequento, com certeza eu levo (É porque eu amei essa capa, espero que os outros volumes também sejam bonitos assim) :D Beijos
    Sthe - Blog
    http://leesoncre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. É bem legal mesmo o fato das irmãs não conseguirem ler a mente uma da outra...e gostei muito dessa questão delas se amarem mas quererem seus momentos de independência, imagina a complexidade de dividir um só corpo, ainda mais com os hormônios da adolescência em ação... hehe... gostei bem mais do primeiro livro que desse, mas também estou ansiosa pelo desfecho da trilogia!

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Sempre achei esses livros um pouco similares à Hospedeira, mas senti vontade de ler. Fiquei um pouco decepcionada por sua nota ter sido quatro e achei um pouco confuso, mas vou anotar a dica e espero ler em breve.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá Carla!
    Que história diferente. Fiquei curiosa para saber como essas duas irmãs dividem o mesmo corpo. Deve ser muito intrigante pois você de certa forma não tem privacidade, mesmo elas conseguindo desaparecer para a outra ficar mai a vontade.
    Adorei a resenha e com certeza quero ler esse livro.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Nunca tinha ouvido falar dessa trilogia.
    Achei bem diferente e intrigante o tema, duas almas no mesmo corpo e fiquei pensando nas questões de múltiplas identidades.
    Me deu muita vontade de ler por isso e também pelas questões filosóficas.
    bjs
    diariodeumapsicopedagoga.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Olá
    Tudo bom?
    Eu adoro distopias e o autor acertou em cheio colocando híbridos na história, e para melhorar com duas almas no mesmo corpo, achei super interessante essa visão.
    Pretendo um dia ler a história e conhecer mais profundamente esse mundo novo.
    Adorei sua resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Olá! Bem legal esse livro, achei interessante esse fato de ter duas almas no mesmo corpo...Achei diferente.Só espero que não seja que nem A Hospedeira, bom, pelo que li da resenha parece ser diferente. Beijos!

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Ooi,
    Ainda não conhecia a distopia mas gostei demais da premissa, vou procurar ler a resenha do primeiro.
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  26. Eu amo distopia, e essa serie parece ser muito boa, pelo menos foi o que sua resenha me passou!! Vou procurar a resenha do primeiro livro, mas acho que já vai pra lista de 2016!
    Adorei sua resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  27. Sabe aquele tipo de livro que está mais do que na cara que não é o seu estilo e mesmo assim você tem vontade de ler? Foi o que aconteceu comigo e o primeiro volume dessa trilogia... E eu me surpreendi querendo muito ler o segundo.
    Bom saber que um dia existimos é bom - nem sempre o segundo livro consegue - e estou mais do que querendo saber mias da Addie e da Eva. Acho incrível esse detalhe de elas não poderem ler a mente uma da outra!!!!
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  28. Oii, ainda não conhecia essa série mas de cara me apaixonei tanto pela capa como pelo enredo do livro. Esta série já entrou na minha lista, mas como eu estou com uma programação de livros já feita, acho que não irei conseguir lê-la este ano rsrs.

    Bjs,
    Túlio.

    ResponderExcluir

 
Google+