8

[Resenha] O Despertar do Príncipe

em terça-feira, 23 de fevereiro de 2016
O Despertar do príncipe
Deuses do Egito – vol. 01
Colleen Houck
Editora Arqueiro
384 páginas

O Despertar do Príncipe escrito por Colleen Houck é o primeiro livro da série Deuses do Egito, onde o leitor encontra uma trama semelhante a série A Maldição do Tigre, com uma aventura de grandes proporções e um romance impossível.

Aos 17 anos, Liliana Young tem uma vida aparentemente invejável. Ela mora em um luxuoso hotel de Nova York com os pais ricos e bem-sucedidos, só usa roupas de grife, recebe uma generosa mesada e tem liberdade para explorar a cidade. Mas para isso ela precisa seguir algumas regras: só tirar notas altas no colégio, apresentar-se adequadamente nas festas com os pais e fazer amizade apenas com quem eles aprovarem.

Lily deseja seguir a faculdade dos sonhos, ter a carreira que escolher, mas só de pensar em desafiar os pais, já pensa que está fazendo algo extremamente errado e não consegue seguir em frente com suas escolhas.

Um dia, na seção egípcia do Metropolitan Museum of Art, Lily está pensando numa maneira de convencer os pais a deixá-la escolher a própria carreira, quando uma figura espantosa cruza o seu caminho: uma múmia — na verdade, um príncipe egípcio com poderes divinos que acaba de despertar de um sono de mil anos.

O príncipe Amon não encontra ao redor de seu sarcófago, os jarros que contêm os seus órgãos, por isso, precisa unir a força vital de Lily para poder se sobreviver. Contrariando todos os seus medos, a jovem começa a ajudá-lo.

A partir daí, a vida solitária e super-regrada de Lily sofre uma reviravolta. Uma força irresistível a leva a seguir Amon até o lendário Vale dos Reis, no Egito, em busca dos outros dois irmãos adormecidos, numa luta contra o tempo para realizar a cerimônia que é a última esperança para salvar a humanidade do maligno deus Seth.

Quem já conhece a escrita de Colleen sabe o quanto a autora consegue criar uma trama recheada de aventura, reviravolta, perigos, transportando o leitor para cenários extraordinários, e explorar toda a rica mitologia egípcia.

Lily, a mocinha da vez, é uma jovem que vive sobre rígidas regras e assim que começa a ajudar Amon, sente uma determinação e coragem que jamais imaginava sentir.

Amon é um jovem príncipe que desperta a cada mil anos junto aos irmãos, para realizar uma cerimônia e assim salvar o mundo. Pouco conhece do mundo moderno, e é interessante acompanhar as suas descobertas de todas as facilidades que ele nunca imaginou existir.

E como não podia faltar, Lily começa a se apaixonar por Amon, e para quem já acompanhou o romance entre Kelsey e Ren em A Maldição do Tigre, se prepare para o desespero, pois esse romance é de arrancar os cabelos (risos). Não vou me prolongar falando muito sobre o romance do casal, pois existem detalhes que são revelados somente no final do livro, e não posso estragar com a emoção do leitor ao descobrir esses fatos.


O Despertar do Príncipe inicia mais uma série que tem muito a render, e a torturar os leitores na expectativa de cada um dos livros a serem lançados. A capa é belíssima, e a Editora Arqueiro caprichou nessa edição, trazendo uma capa toda metalizada. O segundo livro dessa série está com previsão de lançamento para junho de 2016, e só nos resta aguardar quais serão as cenas do próximo capítulo. Só me resta controlar a minha curiosidade, e torcer para que a autora não maltrate o meu coração como fez com a série A Maldição do Tigre.

Nota:


8 comentários:

  1. Oi, Carla!
    Acho que vou começar a ler esse livro antes de ler a Saga do Tigre
    Realmente a capa é linda demais. Já viu a capa do segundo? Igualmente linda.
    Beijos
    Balaio de Babados | Participe do sorteio do livro Marianas

    ResponderExcluir
  2. Aaa eu amei esse livro. Pena que temos que esperar pela continuação e que provavelmente vá ter mais de três livros na série.
    Mas achei uma estória legal, gostei de conhecer alguns mitos egípcios e de ler o romance entre a Lily e o Amon.

    Beijos
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Carla, tudo bem ?
    Acho a capa deste livro maravilhosa e só isso, por si só, já me faria ler. Vi ainda diversas resenhas falando bem deste livro.
    A sua no entanto, explicou muito bem o que esperar e quem vamos encontrar.
    Já foi para a minha lista de desejados.
    Beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Acredita que esse livro não consegue me chama a atenção? Tenho amigas que adoram ele e a autora também, mas eu não consigo gostar nem um pouco rsrs.
    Mas sua resenha está fantástica, parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Esse foi o primeiro livro que li da autora, e já me apaixonei pela escrita dela. A edição está linda demais! Estou bem curiosa para saber como vai se desenrolar a continuação, não tenho a menor ideia. Adorei o Amon "acordar" no mundo moderno e não entender nada do que está vendo... rs... Também amei poder conhecer um pouco sobre mitologia egípcia.

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  6. Oie.
    Adorei saber que o livro lembra a maldição do tigre - que eu não li, mas quero ler -
    Adorei a premissa, realmente fiquei extremamente curiosa. Já tinha visto romance entre humanos e vampiros, bruxos, elfos, lobisomem e sei lá mais o que, mas múmia é novidade kkkkkkkkk
    Acho que o mais legal é a mitologia que está de certa forma envolvida, fiquei bem curiosa.
    ótima resenha.

    http://colecoes-literarias.blogspot.com/2016/02/resenha-o-principe-congelado.html

    ResponderExcluir
  7. Nossa
    Achei a história meio surreal, do nada misturat os dias atuais com múmias e Lily ter que ajudar, indo contra sua criação, mas mesmo assim achei interessante a premissa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá... tudo bem??
    Eu estou super ansiosa para começar a leitura dessa série... não vejo a hora mesmo... a capa desse livro está simplesmente perfeita... sempre que pego nele fico babando na imagem... sua resenha ficou bem legal... claro que já imaginava algumas semelhanças da outra série, mas a construção das histórias é maravilhosa... Xero!!!

    ResponderExcluir

 
Google+