5

[Resenha] Uma Carícia do Crepúsculo

em quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016
Uma Carícia do Crepúsculo
Merry Gentry – vol. 02
Laurell K. Hamilton
Editora Rocco
352 páginas

Uma Carícia do Crepúsculo é o segundo volume da série Merry Gentry escrita por Laurell K. Hamilton, onde o leitor acompanha uma aventura em um universo fantástico com uma Princesa das Sombras.

Na trama, a Princesa da Carne está refugiada em Los Angeles, nos Estados Unidos, para se proteger das tentativas de assassinato comandadas por seu primo, o Príncipe Cel, que disputa com ela o trono dos encantados. Paralelamente, ela trabalha para a Agência de Detetives Grey, especializada em problemas sobrenaturais e soluções mágicas.

Quando Andais, Rainha do Ar e da Escuridão, resolve abrir mão do trono da Corte Profana e nomeia como herdeiros seu filho, Cel, e a sobrinha Meredith, ela estabelece um critério para decidir quem governará seu reino: o primeiro que tiver um filho. Para isso, oferece a Meredith alguns guerreiros: Rhys, Frost, Nicca, Galen e Doyle, conhecido como a Escuridão da Rainha e integrante da guarda pessoal dela. Todos com a mesma missão, proteger a princesa e tentar engravidá-la. Quem conseguir, se casará com ela e será rei. O grupo ainda conta com Kitto, um duende que está lá por causa de um acordo de proteção com o rei de seu povo, Kurag.

Enquanto faz o possível para garantir sua sobrevivência e gerar uma criança, Meredith se depara com um estranho pedido de ajuda. A estrela de Hollywood Maeve Reed – na verdade, uma encantada da Corte Abençoada mandada para o exílio – procura a Agência Grey para que a princesa use seus poderes e assegure que ela engravide do marido. Mas atender Maeve significa se indispor com Taranis, Rei da Luz e da Ilusão, tio de Meredith que governa os abençoados. O passado de Maeve esconde um segredo de Taranis que poderia lhe custar a coroa.

Para completar, a barreira entre o mundo dos encantados e dos humanos está prestes a se romper: uma série de misteriosos assassinatos em Los Angeles pode estar ligada ao Inominável, um monstro criado há muitos séculos usando poderes de vários seres mágicos, mantido preso por conta de sua incrível capacidade de destruição. Quem puder controlá-lo terá acesso às forças mais antigas e assustadoras do universo encantado, com chance de se tornar imbatível.

De uma hora para outra, Meredith passa a carregar um grande peso nos ombros: além da disputa pela coroa da Corte Profana, ela descobre que a Corte Abençoada também a quer.

Neste volume, conhecemos mais sobre as intrigas e conspirações que a protagonista precisará enfrentar, assim como as emoções dos personagens que estão ainda mais afloradas, onde podemos conhecer mais sobre cada um deles. Cada um dos guerreiros que protegem Merry mostra-se passiveis de erros, onde podemos vê-los sem a áurea indestrutível de seres encantados.

Merry sabe que não pode se envolver emocionalmente com cada um deles, já que não sabe o que o futuro reserva. Como quer se tornar uma governante e precisa amadurecer em muitos aspectos, sabe que não pode se apegar a sonhos, ou alguém pode se machucar no processo.


Assim como no livro anterior, a trama de fantasia é voltada para o público adulto, sempre recheada de muita intriga e cenas sensuais. Confesso que foi mais um livro que eu praticamente devorei a leitura, muito curiosa como a autora conduziria a história, onde não me decepcionei. E cada vez mais estou ansiando pelos próximos volumes!

Nota:



5 comentários:

  1. Devorou é? Já gostei! Sabe quantos livros formam a série Carla, fiquei bem interessada.
    Bjs, rose

    ResponderExcluir
  2. Caramba, nunca ouvi falar desse livro... e apesar de achar a capa fraquinha, a história parece interessante. É muito bom quando a gente devora os livros assim.
    Abraços
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  3. Oiee

    Apesar de ser um gênero que não curto muito achei interessante. Só a capa que não me agradou muito.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. hello!
    Mas gente, que história interessante, hahaha! Reinos do "além" e Los Angeles, e gente querendo parir um filho pra pegar um trono, hahah!
    Acho que vou por na minha listinha.
    Agora, a Rocco pecou nessa capa. Não ficou legal, não.
    Bj

    ResponderExcluir
  5. não sabia desse livro mas tem um premissa interessante
    apesar da capa não me agradar tanto. ;)
    bjs

    ResponderExcluir

 
Google+