19

[Resenha] Paixão Libertadora

em terça-feira, 24 de maio de 2016
Paixão Libertadora
Trilogia Desejo Proibido - vol. 2
Sophie Jackson
352 Páginas
Editora Arqueiro

Paixão Libertadora escrito por Sophie Jackson é o segundo livro da Trilogia Desejo Proibido, que traz um romance sensual e apaixonante sobre segundas chances, e neste volume, acompanhamos a libertação de Max.

Max O’Hare já passou por muitos momentos difíceis na vida. Depois de perder um grande amor e ter que se internar numa clínica para se livrar das drogas, ele decide que é hora de trocar Nova York por uma cidade do interior na tentativa de se reerguer ao lado da família.

Ele não quer mais decepcionar os amigos, quer ter a chance de voltar a viver sem ver a tristeza nos olhos de quem se importa. Mas a dor da perda faz com que ele tenha medo de lutar. Ao lado dos amigos, ele começa a ter forças para vencer o vício e ter coragem para encarar o dia a dia.

Em uma cidadezinha do interior, ele conhece a deslumbrante Grace Brooks. Amante da arte e da fotografia, ela parece a mulher perfeita. Mas o que Max não sabe é que ela guarda a sete chaves a verdade sobre o próprio passado.

Grace é uma mulher marcada pelo passado, que perdeu a confiança pelo sexo oposto. Ela tenta se recuperar do pânico que convive diariamente, e decide que é hora de voltar a ter confiança na vida. Quando conhece Max, nota que ele tem um passado terrível, mas ela percebe que ele também quer modificar, ele não deseja repetir os mesmos erros.

Atraídos um pelo outro, mas com medo das consequências que um relacionamento sério pode trazer a vida já complicadas, eles fazem um pacto para que a relação seja apenas sexual, sem sentimentos envolvidos. Até que as coisas começam a mudar entre os dois...

Max deseja Grace, mas tem medo de se perder igual aconteceu quando seu grande amor o abandonou, ele sabe que não conseguirá se manter em pé se isso acontecer. Grace precisa restaurar a confiança que tinha, quer voltar a se relacionar com o sexo oposto e se sentir mulher. Mas são em poucos homens que ela confia, e depois de alguns anos é em Max que ela confia.

Presos a grandes medos e a segredos profundos, Max e Grace precisam aprender a confiar de novo e se entregar um ao outro não apenas de corpo, mas também de alma.

Enquanto que o primeiro volume, a história não me agradou totalmente, o romance entre Max e Grace foi uma história maravilhosa. Ambos os protagonistas estão marcados pelo passado, e a recuperação é lenta. Cada dia tem uma surpresa, que pode ajudá-los ou até mesmo fazer perder tudo o que conquistaram. E isso é evidenciado na luta de Max contra o vício, que quer se libertar, mas cada dia a dor faz com que ele sinta-se deprimido. Também evidenciado pelas atitudes de Grace que tenta vencer o pânico ao se aproximar de qualquer pessoa do sexo oposto.

A história é delicada, envolvente, e muito mais que um romance. A autora traz uma trama de redenção, perdão, segundas chances... libertação. Ambos os personagens precisam se libertar do passado que os corroem, que os deixam estagnados sem saber como seguir em frente.

Precisou um segundo volume para que eu me rendesse a história da autora, e agora estou muito encantada. Confesso que vou ler novamente o primeiro volume, para tirar essa impressão ruim que tive apenas para permanecer tudo o que senti nesse romance.


Paixão Libertadora tornou-se uma trama única, crível e emocionante, com personagens reais que sofreram, mas que desejam uma segunda chance. Um romance lindo, que ficará marcado na memória.

Nota:



19 comentários:

  1. eu quero muito ler esse livro, a premissa é otima!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. oie, se tem um livro que ainda não me deu aquela vontade de ler foi esse.
    Não sei, não senti simpatia pelos protagonistas Max não me parece um protagonista que eu vá gostar.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  3. Oi Carla!
    Especificamente falando, essa parte do catálogo Arqueiro não me atrai, não só por tratar de gêneros que não me agradam muito, como também por ao meu ver, tem um público mais fechado para o feminino. Acho legal que a leitura tenha sido tão prazerosa e o nível da narrativa não tenha caido se tratando de uma continuação, mas pessoalmente, não é o tipo de livro que leria agora.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Eu só li o primeiro volume mas não estou muito ansiosa para conferir o desenrolar dessa história. Gostei de saber que todo o drama e romance continuam nessa obra. Espero poder ler em breve.

    Abraços
    colecoes-literarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oiii Carla, tudo bem?
    Realmente não me despertou nenhum interesse essa obra, não costumo ser o gênero que leio e fico apaixonada. Quem sabe eu leia por curiosidade mesmo, sua resenha me encantou demais pela obra.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Oii Carla...
    Menina... eu amo esse tipo de livro. Quero ler essa série desde que eu vi o lançamento no inicio do ano, mas pensa numa pessoa sem tempo e horario. Pois é.

    Fico feliz que vc gostou desse livro mais do que o primeiro... espero gostar dos dois haha

    bjo

    ResponderExcluir
  7. Olá Carla. Gostei bastante da resenha, você escreve super bem. mas quanto ao enredo em si, não tenho muita vontade de conferir, pois se trata de um gênero o qual eu não gosto muito.

    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Ótima resenha! Não é um gênero de livro que me agrada muito, tanto na narrativa quanto no conteúdo em si. Mas como eu SEMPRE digo, pode ser que um dia eu acabe gostando não é?
    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. Oie tudo bom??

    Quando li esse livro, consegui perceber um graaaaaaaande amadurecimento na escrita da autora. Achei que ela evoluiu demais e isso foi muito bom de acompanhar. Quase fiquei em dúvida se a mesma pessoa tinha escrito os dois, rs. Mas os errinhos infantis que ela cometeu no primeiro, não voltou a se repetir. A superação do vício passado por Max também foi bom de se acompanhar porque me pareceu consistente, assim como dos traumas da Grace.

    ResponderExcluir
  10. Eu já me rendi a esta trama logo no primeiro livro, agora preciso conferir como ficou o segundo, imagino que irei gostar tanto quanto do primeiro....

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ooi! Achei o enredo interessante, mas o drama presente parece ser bem intenso, aí fico com um pé atrás... E que bom que gostou!
    Parabéns pela resenha.
    Beeijos

    ResponderExcluir
  12. Oi,
    Parabéns pela resenha, que bom que o segundo volume te agradou mais, não é o tipo de livro que eu leio, mas quem sabe... A capa também não me agradou muito 😕 Não gosto de título que comece com letra minúscula e achei que as fontes não combinaram...
    Mas se a leitura vale a pena, capa é só um detalhe né! Hahaha
    Beijo

    ResponderExcluir
  13. Definitivamente não é o gênero de livro que mais me agrada. na realidade leio raramente esse gênero. Mas me chamou a atenção você falar que esse volume te agradou mais que o anterior. Nossa, se o primeiro livro de uma série não me agrada, eu não consigo continuar com os seguintes. mas fico feliz que você tenha continuado e que tenha dado certo pra ti.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  14. Oii, tudo bom?
    Li sua resenha por alto por não ter lido o primeiro livro da série ainda, mas, apesar de você ter gostado tanto, a premissa não chamou muito minha atenção. Por hora esse livro não entra em minha lista de leitura.

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  15. Oii, tudo bem??

    Apesar de você ter gostado tanto, não é um livro que chamou minha atenção. Eu já não sou exatamente muito fã de romances e a premissa desse livro não conseguiu me empolgar. Enfim, talvez mude de ideia um dia, mas por hora acho que não leria.

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Eu também gostei mto mais deste livro do que do primeiro. Achei a história melhor e o casal mais cativante, apenas não curti o excesso de sexo. Achei desnecessário, mas no geral, a história é muito bonita.


    ~bjs!

    Thaís

    Uma Conversa Sobre Livros

    ResponderExcluir
  17. Helloo, tudo numa nice?!
    Confesso que eu fugiria desse livro justamente já pela capa. Não gosto desse gênero literário e não me sinto atraída pela estória, no geral são sempre clichês, passado, sexo e só o romance. Apesar disso percebi que essa oba tem uma carga dramática e isso é evidenciado com as crises do personagem, esse vício dele realmente me instiga. Gosto de conferir personagens quebrados que precisam se acertar com a vida. A estória da Grace no entanto não me convenceu e ainda assim, a estória não é para mim. Mas que bom que curtiu essa leitura mais do que a primeira.
    Beijin...

    ResponderExcluir
  18. oi

    apesar de ter achado ótima a sua resenha, esse livro não me atrai sabia??? não sei exatamente do que sinto falta, mas a premissa ainda não me ganhou...mas que bom que vc gostou mais desse do que do anterior!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  19. Olá Carla!!!
    Admito que o primeiro livro dessa série não me atraiu e por isso nem procurei ler ou conhecer.
    Porém admito que sua resenha agora desse segundo acabou me chamando atenção e querendo conhecer a série :3
    Parabéns pela resenha e até uma próxima o/

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir

 
Google+