25

[Resenha] Diário de uma Cúmplice

em quarta-feira, 17 de agosto de 2016
Diário de uma Cúmplice
Mila Wander
336 páginas
Editora Essência

Diário de uma Cúmplice escrito por Mila Wander traz um romance com doses de erotismo, no qual me levou a sentir os mais diversos sentimentos, onde ainda estou tentando entender tudo o que a leitura me fez sentir.

Na trama conhecemos a jovem Christine, uma professora de uma escola infantil, que vive uma vida sem muitas surpresas e narra os acontecimentos em seu diário. Ela perdeu os pais na adolescência, e é com a ajuda de sua melhor amiga que conseguiu um caminho a seguir. Até que um dia, uma paquera na rua acaba levando a fazer as coisas mais absurdas com o desconhecido que aponta uma arma. O que levou Chris a ajudar esse rapaz? Solidão?

Ela não tinha a menor intenção de se tornar cúmplice de um criminoso, mas seu olhar quente, sua fala mansa e sedutora a enlaçaram de tal forma que ela se viu ao redor muitos criminosos. Agora, refém da paixão só me restava relatar em seu diário tudo o que estava acontecendo ao lado da maior quadrilha do pais.

Começo essa resenha dizendo que a narrativa da autora é ótima, fluída, e a tensão entre o casal envolve o leitor a ponto de torcer por eles. Mas a trama não me conquistou, onde eu esperava outro rumo para todos os acontecimentos. Sei que na ficção vale tudo e até mesmo as situações mais insanas deixamos passar, pois sabe que não é a realidade, é algo fictício. Mas Diário de uma Cúmplice foi um livro que me deixou profundamente irritada.

Assim que iniciei a leitura achei diferente a história ser narrada em diário, pois é algo que pouco se usa atualmente, e deixei de pensar nisso para concentrar no que aconteceria na trama. Mas assim que vi que a protagonista se apaixona por um criminoso a primeira vista, foi quando a leitura começou a me desagradar.

Christine foi uma protagonista insossa, que se apaixona por um assassino apenas porque ele é lindo, e ainda muda totalmente a sua vida para segui-lo a todos os instantes. Ela é feita de refém, está entre um tiroteio e na primeira oportunidade de fugir, fica ao lado do bandido só porque ele é lindo. Tudo bem que ela fez a boa ação do dia e o salvou, mas ainda não contente e satisfeita, ela decide mudar totalmente a sua vida, entrando para a quadrilha só para ficar ao lado dele.

Mas logo Christine tem uma surpresa, pois Miguel (o criminoso tudo de bom) tem uma namorada, e só procurava Chris quando ele queria, na hora e no momento que entendesse que era o melhor, sempre quando a namorada não estava ao lado. E Chris está apaixonada perdidamente por Miguel, não quer sair da quadrilha, e acaba fazendo tudo e mais um pouco para se tornar confiável ao grupo, tudo isso por um homem que conheceu a 5 minutos, é bonito e ela acreditou que era amor eterno.

Ainda estou sob o efeito da leitura e sei que a minha insatisfação se deve a isso. Mas não consigo acreditar que alguém em sã consciência, conhecendo todos os perigos da atualidade, se apaixona por alguém que acabou de conhecer e que ainda ameaçou a sua vida. Tudo bem é algo que aconteceu na ficção, mas a forma como eles se conheceram, não fez com que eu acreditasse que aquela paixão era possível.


Sei que a história tinha tudo para dar certo, e até pensei que ficaria empolgada durante a leitura, mas não funcionou comigo. Não tenho o que reclamar da narrativa da autora, pois é o segundo livro que leio e estou surpresa com a forma como prende a atenção do leitor. Mas a trama criada não me convenceu e fiquei mais irritada do que apaixonada pelos personagens. Mas é um livro que divide opiniões, onde já li vários comentários positivos quanto negativos. Então aconselho o leitor a ler o livro e tirar as próprias conclusões da história.



25 comentários:

  1. Oi Carla.
    Li este livro recentemente e foi a minha primeira experiência com a narrativa da Mila, admito que gostei, o livro me prendeu, claro que é uma história a não seguir como exemplo, mas foi mesmo a narrativa dela que me cativou e me deixou ansiosa para chegar logo à última página.

    Bj, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu também já li vários elogios e também críticas, isso divergem de leitor para leitor! Não sou muito fã de livros nesse gênero, mas acompanho o trabalho da Mila e vejo que ela se dedicou muito para conseguir ser aclamada como ela é hoje. Eu também não gosto quando eu, ao invés, fé me apaixonar pelos personagens faço é me irritar rsrs. Por outro lado, essa edições está linda, a capa está um arraso! Até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá
    eu já conheço a escrita da autora e gosto bastante do seu estilo. Claro que estou com muita vontade para conferir essa trama também, especialmente porque estou lendo comentários bem positivos e achei a capa legal. Uma pena que a leitura não funcionollu para você. Confesso que também não consigo engolir uma relação que acontece tão rápido.
    beijos, Fer

    ResponderExcluir
  4. Oi Carla, ainda não li nada da autora, mas acho que este livro aqui, também não em agradaria e pelas mesmas características que você pontuou. Acho que a narrativa também não me convenceria.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá Carla,
    Que pena que o livro não tenha funcionado contigo. Confesso que não fiquei curiosa em relação a trama, apesar de não poder negar que a história parece ser bem diferente. Os pontos apresentados por ti me convencem a não ler, infelizmente.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Olá,

    Não conhecia a obra, mas a premissa parece até ser bem interessante. Mas com suas considerações eu acho que também não iria apreciar a leitura e por isso vou pular essa dica também. Espero que você tenha melhores leituras futuramente.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  7. Ola Carla lindona eu li esse li há tempos atrás e gostei muito, a narrativa da Mila flui muito, aceitar nos dias de hoje como nossa protagonista muda sua vida me prol de uma aventura ao lado de um bandido é bem irreal. Mas o conjunto da história toda me agradou. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Pera, como assim ela entra para uma quadrilha porque o cara é lindo?! Socorro, que doideira! hahaha
    Eu não gosto de livros que se afastam tanto da realidade, histórias assim acabam não me descendo. Provavelmente eu me irritaria om a personagem também!
    Eu nunca li nada da autora e gostei de saber que ela possui uma narrativa que flui bem e prende o leitor, mas definitivamente não é por esse livro que vou começar a ler as obras dela...
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Não me interessei pelo livro, primeiramente porque é difícil eu dar uma chance para romances, principalmente romances clichês e que se distanciam tanto da realidade! Se apaixonar por um criminoso, ok, isso me deixou curiosa, mas não nessas circunstâncias, se ela conhecesse Miguel em outra ocasião e depois se evolvesse com os criminosos, tudo bem, agora se apegar enquanto estava passando por apuros, e só pelo fato dele ser lindo, me deixou com a sensação que a protagonista é uma idiota kkk
    Gostei da resenha, você foi super sincera, e provavelmente irei passar longe desse livro, sei que devo ler para tirar minhas conclusões, mas acho que não vai rolar kkk

    Beijinhos...
    Desencaixados

    ResponderExcluir
  10. Oi Carla, menina é muito ruim quando um livro não corresponde as nossas expectativas e nos deixa até mesmo irritada como você se sentiu. Eu até hoje não li nenhum livro da autora e o enredo desse não me atraiu. Essa coisa de amor bandido comigo não funciona. Rsrs
    Bj

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Nossa, fiquei chateada por você pelo o livro não ter correspondido suas expectativas, mas infelizmente nem tudo corresponder, não é? Mas achei bem interessante isso de o livro ser em formato de diário, deu um toque diferente na narrativa.
    Beijos.
    https://arsenaldeideiasblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
  12. Olá amore,
    De cara olhei... e já pensei – de novo comentar resenha dos livros (A garota do calendário) NÃOOOOOO.... quero ler o livro – mais me equivoquei... só que não adiantou de nada rsrsrs... mais um que já quero ler rsrs.... Daqui a pouco minha lista vai ter mil livros de desejados.
    Adoro a Mila.. é uma fofa... De fato parece se tratar de uma coisa absurda... diferente do que imaginamos acontecer... talvez por isso a curiosidade pra ler tal livro rs.
    Uma pena você não ter curtido a leitura!
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  13. olha, vou ser sincera contigo e dizer que não me atreveria a ler, não curto a escrita da autora nem os enredos de seus livros... achei esse bem forçado e apelativo, e em tempos de discussão sobre relacionamentos abusivos e afins ver uma protagonista tão submissa e agindo dessa forma com um assassino que a ameaçou, não é algo legal de se ler... enfim...

    ResponderExcluir
  14. Oi Carla,
    Olha já tive outras experiências com a escrita da Mila e definitivamente não curti, por isso fiquei com o pé atrás e não me animo a ler mais nada que ela escreva. A premissa do livro não me agradou e sinceramente, acho que o livro alimenta um tipo de relacionamento que não me agrada a acompanhar nem no papel.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Hey!
    Bom, o comportamento dessa personagem me lembrou muito a sindrome de estocolmo, embora eu não saiba muito falar sobre. De qualquer maneira, não acho que é um enredo que realmente me chama a atenção, mas acho que chegaria a ler apenas por ter uma narrativa que não é muito usada hoje em dia, por ser feita em forma de diário. Gostei muito da sua sinceridade.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Que garota sem personalidade! Deu para entender porque você se irritou com ela, eu também me irritaria. Conheço a escrita da autora, mas fiquei em dúvida se dou ou não uma chance ao livro.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    De cara eu já não fiquei animada com esse livro é então lendo sua resenha descartei na hora a ideia de ler, porque tenho certeza que não irei gostar. Essa coisa da Christine se apaixonar perdidamente por um criminoso, mudar tudo na vida só pra ficar ao lado dele não me convenceu também.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  18. Oi!
    Eu queria muito ler esse livro, mas nossa, dei uma esfriada legal agora :(
    Odeio quando as histórias não fazem sentido algum, e principalmente quando a mocinha é trouxiane e muda toda sua vida só pra ficar com o 'boy magia'.
    Enfim, mesmo adorando a escrita da Mia não leria :(

    ResponderExcluir
  19. Olá.

    Eu estava muito empolgada com esse livro e estava doida p ler, mas ultimamente eu li umas resenhas sobre essa obra e não gostei nada nada. Agora lendo sua resenha fiquei mais desanimada ainda. Como que alguém se apaixona por alguém que a ameaçou? Sem nexo! Mas ainda sim vou ler p tirar minhas conclusões.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Concordo plenamente com você. Primeiro se apaixonar só porque ele é muito lindo é totalmente superficial, aí ele ser bandido já é outra coisa que não curto. Mas o legal foi ser na forma de diário, isso já é diferente mesmo e eu gosto quando tem estas questões, mas eu ficaria aborrecida com esta leitura.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem? :)
    Acabei de ler um livro do género e por isso estou no clima ahahaha No entanto, a história não me interessou assim tanto e por ora não seria um livro que eu leria. Mas gostei da resenha e não conhecia a autora, então obrigada por apresentar ahahaha
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Também não imagino como alguém se apaixonaria por alguém que ameaçou sua vida, e imaginava que o livro fosse diferente, mas acho que vou ler ele sim para tirar minhas próprias conclusões sobre o livro, apesar da história ser meio maluca e eu já estar um tantinho irritada com a personagem.
    Bjs

    ResponderExcluir
  23. Oii, tudo bom??
    Eu não leria esse livro, sei lá. Prefiro passar longe desse tipo de história que transforma o cara mal em "apaixonante e desejado", apesar de que quando eu olhei a capa do livro realmente esperava algo a mais. Sei lá viu.
    Beijos, gostei da resenha apesar disso.

    ResponderExcluir
  24. Oi Carla! Tudo bem?
    Conheço a autora e já vi comentários ótimos sobre o livro. A Mila esteve recentemente em um evento em Curitiba, foi onde a conheci e seu livro. Adorei sua resenha e estou bem curiosa para ler, mas ainda não sei quando isso vai acontecer! São tantos livros!
    Bj

    ResponderExcluir
  25. Oi Carla, tudo bem?
    Que pena que o livro não era o que você esperava, é muito ruim quando isso acontece né? mas mesmo assim achei o enredo bem interessante e acredito que daria uma chance para ver o que iria achar do livro, talvez eu goste, ou talvez não. Mas ainda quero ler igual :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir

 
Google+