10

[Resenha] Fera

em terça-feira, 6 de junho de 2017
Fera
Brie Spangler
384 Páginas
Editora Seguinte

Fera escrito por Brie Spangler traz um drama adolescente, onde tem as inseguranças de um jovem de grande estatura e uma jovem transgênera. Desde que vi o lançamento, estava curiosa para conferir a história, primeira que leio sobre o tema e adorei a forma como o tema tão atual foi trabalhado pela autora.

A narrativa é envolvente, emocionante, onde a história é contada por Dylan, um jovem de quinze anos com quase dois metros de altura, e que tem tantos pelos no corpo que acabou ganhando o apelido de Fera na escola.

Devido a um acidente doméstico, a mãe de Dylan acredita que ele tentou se suicidar, e o obriga a participar de uma terapia em grupo, onde ele poderá contar tudo o que está acontecendo com ele. Como ele é muito alto, e tem muitos pelos, Dylan procura se manter afastados de todos, e acredita que é alguém muito feio que não merece contato com ninguém.

Quando ele conhece Jamie, em uma sessão de terapia em grupo para adolescentes, se apaixona quase instantaneamente. Ela é linda, engraçada, inteligente e, ao contrário de todas as pessoas de sua idade, parece não se importar nem um pouco com a aparência dele.

O que Dylan não sabe de início, porém, é que Jamie também não é como a maioria das garotas de quinze anos - ela é transgênera, ou seja, se identifica com o gênero feminino, mas foi designada com o sexo masculino ao nascer. Agora Dylan vai ter que decidir entre esconder seus sentimentos por medo do que os outros podem pensar ou enfrentar seus preconceitos e seguir seu coração.

De inicio, Dylan não sabe que Jamie é transgênera, e acredita que o tratamento que ela faz é para tratar de diabete. Mas quando descobre o segredo da jovem, ele fica sem saber como agir, ficando ainda mais inseguro com os sentimentos.

De forma muito delicada, a autora traz os sentimentos de um jovem que não encontra o seu espaço no mundo, ainda mais sendo tão diferente fisicamente dos outros que convivem. Assim como traz os sentimentos e conflitos de uma jovem que está tentando voltar a normalidade, assim como tentar viver a vida normalmente, mesmo quando é julgada e criticada por muitos.

Como a história é narrada apenas pelo ponto de Dylan, senti falta de ter alguns capítulos narrados por Jamie, mostrando mais do seu cotidiano e até mesmo dos seus sentimentos e pensamentos. Mesmo assim, a história é delicada e emocionante, onde temos um assunto atual e que nos leva a reflexão.


Muito mais que um livro que fala sobre uma jovem transgênera, a trama traz sobre aceitação, bullying, perdão, preconceito, diferenças, as dificuldades dos pais em entender os seus filhos, e a própria dificuldade em aceitar os próprios sentimentos. Um livro bem delicado, que leva todos os leitores a refletir sobre diversos temas e situações. Livro voltado ao público jovem, mas que indico para todas as idades. 

Nota:



10 comentários:

  1. Oiii Carla tudo bem?
    Menina eu fiquei louca por esse lançamento também que você nem imagina, gostei muito de saber a sua opinião e sei que seria uma ótima pedida, além do mais aborda assuntos que pouco a sociedade diz, dica anotada querida.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Esses são os livros necessários, né?! Quando vemos cada vez mais jovens sendo vítimas de comportamentos preconceituosos e seus problemas ignorados pela família e escolas perdemos a fé na humanidade. Ai vem alguém e escreve um livro que diz que está tudo errado... adoro esses livros justamente por darem tapas na cara da gente e fazerem com que notemos como somos nocivos a nós mesmos!

    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Heiii, tudo bem?
    Amei a capa publicada, e só por ela eu ja leria o livro.
    A ideia do enredo é mto interessante, numa li nada sobre transgenero e fiquei bem curiosa para saber como a autora conduziu o assunto.
    Espero ler em breve e adorei a dica.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  4. Oi, Carla
    Quase todos ficaram bem curiosa quando esse livro foi lançado.
    Mesmo com sua pequena ressalva, acredito ser uma leitura que valha a pena. Os assuntos são bem delicados. Achei muito criativo o desenvolvimento do problema desse protagonista.

    Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  5. Oie, Ka! Eu vi a capa do livro e imaginei que fosse releitura de A Bela e a Fera, mas nunca iria imaginar a abordagem escolhida pela autora. Creio que ela foi extremamente atual e feliz em escolher estes personagens e, pelo que você narrou, bem-sucedida ao tratar das angústias deles com a delicadeza e seriedades necessárias. Muito obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  6. Oiee, tudo bem? Eu estou beeem curiosa em relação a esse livro! Adoro quando os autores de jovem adulto abordam assuntos mais atuais e tabus em suas tramas, especialmente quando a diferença está nos personagens <3 Gostei muito da sua resenha!! Essa capa é linda demais <3

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Ola Carla lindona, amo temas diferentes como esse apresentado no livro, vivenciados por adolescentes que esperam ser aceitos, achei muito interessante com certeza irei ler. Uma pena não ter o ponto de vista da protagonista. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  8. Juro que jamais, na vida imaginava que essa história era assim. Fiquei com a pulga atrás da orelha e preciso ler. Alguém comentou comigo que o livro era péssimo, mas pelo visto é muito bom! Obrigada pela dica! Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Apesar de tê-lo visto nas redes sociais, não é o tipo de leitura que procuro, pelo menos neste momento. Quem sabe mais adiante? Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  10. Oi Carla,

    Menina que livro diferente e único!
    Achei a temática dele atual, inovadora e bem polêmica.
    Não conhecia o livro, mas sem a menor dúvida ele me chamou e muito a atenção. Vou pesquisar um pouco mais sobre ele por ai e quem sabe não o leio também.

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir

 
Google+