0

[Resenha] Uma Pitada de Amor

em quinta-feira, 31 de agosto de 2017
Uma Pitada de Amor
Katie Fforde
Editora Record
400 páginas

Uma Pitada de Amor escrito por Katie Fforde traz um chick-lit onde demorei a ler, devido a falta de romance e de momentos intensos durante a trama.

Uma aspirante a cozinheira em um programa de TV. Um jurado muito atraente. Um amor proibido. É com esse início que conhecemos Zoe, uma jovem altruísta disposta a ajudar a todos, conhecendo Gideon, um sexy jurado de um programa de TV.

Quando Zoe conquista uma cobiçada vaga em um reality show de culinária, ela mal pode esperar para pôr suas habilidades à prova. Sua principal motivação é o prêmio em dinheiro: um valor que certamente a ajudaria a abrir sua tão sonhada delicatéssen. Ela sabe das dificuldades que irá enfrentar, mas deseja realizar o seu sonho.

No entanto, ela logo percebe que a competição vai muito além da cozinha. Cher, outra concorrente, está disposta a tudo para ganhar, incluindo jogar seu charme para cima dos jurados. E Cher é esperta e utiliza das mais diversas artimanhas para desestabilizar Zoe.

E as coisas se complicam ainda mais quando Zoe percebe que está se apaixonando por um dos jurados: o incrivelmente sexy Gideon Irving. Com tudo o que está em risco, os dois tem muito a perder caso se envolvam, algo que parece cada vez mais inevitável. De repente, Zoe percebe que há mais em jogo do que apenas canapés, cupcakes e técnicas de corte.

Confesso que iniciei a leitura imaginando encontrar um enredo fofo, com diversos momentos de suspirar, torcendo pelo romance impossível e secreto do casal. Mas acabei me decepcionando com a trama.

A autora evidenciou nas mais diversas formas o altruísmo e o desejo de ajudar de Zoe, onde a jovem diversas vezes optou em não treinar ou realizar a tarefa do reality apenas para ajudar alguém. Junto a isso, temos a “vilã” da história, Cher, que está disposta a tudo para prejudicar, sempre com atitudes infantis e absurdas. E mesmo assim, Zoe não relata o que Cher faz para ela.

Outro ponto que me incomodou é que a leitura não flui. A leitura dá diversas voltas nos pensamentos da Zoe, mostrando sua indecisão com relação a Gideon, ou qual prato precisa elaborar, ou sua eterna vontade de ajudar aos outros.Com isso, a leitura tornou-se em diversos momentos cansativa onde ficava a imaginar quando iniciaria o romance.


Uma pitada de amor foi uma trama que eu esperava mais romance, e acabei terminando decepcionada com o que eu encontrei. Não tiro os atrativos da história, a escrita leve da autora assim como as curiosidades de um programa culinário. Mas foi uma trama que eu esperava mais suspiros, e terminei apenas uma trama com pouco romance.

Nota:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Google+