0

[Resenha] Mais Lindo Que a Lua

em sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018
Mais Lindo Que a Lua
Irmãs Lyndon vol. 01
Julia Quinn
272 Páginas
Editora Arqueiro

Mais Lindo que a Lua escrito por Julia Quinn é o primeiro livro da duologia Irmãs Lyndon, onde cada volume traz o romance de uma das irmãs dessa família.

Eu sou apaixonada pela narrativa da Julia e fico ansiosa cada vez que vejo algum lançamento da autora aqui no Brasil. E eu não podia deixar de conferir esse romance, precisava saber como aconteceria a paixão do casal, assim como as situações leves e descontraídas, característico dos romances da autora. 

Mas essa história não me conquistou, e com muito esforço eu dei 3 estrelas para a história, mas com a sensação de que valeu apenas 2.  Não consegui me simpatizar com o casal, e Victoria Lyndon foi uma das protagonistas mais cabeça dura que já li nos romances. Em vários momentos eu torci que ela acabasse sozinha no final da história, devido a tanta teimosia que me irritou durante a leitura.

Na trama, Victoria Lyndon e Robert Kemble se apaixonam a primeira vista, mas como ela é a filha do vigário e ele um conde, os pais não aprovavam o relacionamento. Tanto que quando o plano de fuga não deu certo, todos acreditaram que era o melhor. Foi um terrível desencontro, que nenhum dos dois tentou descobrir o que realmente era verdade.

Sete anos depois, quando Robert encontra Victoria por acaso, não consegue acreditar no que acontece: a garota que um dia destruiu seus sonhos ainda o deixa sem fôlego. E Victoria também logo vê que continua impossível resistir aos encantos dele. Mas como ela poderia dar uma segunda chance ao homem que lhe prometeu casamento e depois despedaçou suas esperanças?

Robert está disposto a tudo para ter Victoria e lhe propõem que seja sua amante, o que Victoria não aceita. Mas ele não vai desistir tão fácil da única mulher que amou na vida. Depois de tantos desentendidos, será que eles conseguirão se perdoar e entregar a paixão que estão sentindo?

A história tinha tudo para dar certo, para me envolver desde o inicio, mas não foi o que aconteceu. O casal não conseguiu me convencer da paixão que sentiam, das dificuldades que viveram, e quanto mais Robert tentava conquistar Victoria, mais eu ficava irritada com as atitudes dela.

Faltou química, faltou emoção... A história não foi o que eu esperava, e não  imaginava ficar assim tão desanimada com um romance da Julia. Isso não significa que essa leitura apagasse o meu favoritismo com os romances da autora, ou que tenha diminuído a minha vontade de ter mais lançamentos no Brasil. Apenas foi uma história que poderia ser melhor, e que não me conquistou.

Se você ainda não leu nenhum livro da Julia, tenho certeza que vai adorar essa história, e se surpreender com as outras séries já publicadas. E se leu o livro e não gostou, não desanime, pois as histórias da Julia valem muito a pena. E agora fico no aguardo do próximo volume, com aquela expectativa de ser surpreendida e me apaixonar pelas histórias da autora.

Nota:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Google+