12

[Resenha] Joga Comigo

em quinta-feira, 19 de abril de 2018
Joga Comigo
With Me in Seattle vol. 03
Kristen Proby
320 Páginas
Editora Charme

Joga Comigo escrito por Kristen Proby é o terceiro volume da série With me in Seattle, onde cada volume acompanhamos o romance de um dos integrantes da família Montgomery e Williams. E neste volume, o romance será protagonizado por Will Montgomery e Meg McBride.

Sabe aquele tipo de romance que a cada volume, você fica mais apaixonada pelos personagens? Que cada casal te conquista, e acompanhar o desenrolar do romance entre eles te deixa suspirando? É assim que me sinto toda vez que vou ler um volume da série With me in Seatlle. É o terceiro volume que leio dessa série, e estou ainda mais envolvida do que quando comecei a leitura da primeira história. São histórias para sonhar e suspirar, querendo mais e mais.

Will Montgomery é um jogador de futebol americano profissional de sucesso e aparentemente tem tudo. Ele não está acostumado e certamente não aceita “não” como resposta. Então, quando joga seu charme para Meg, a amiga sexy de sua irmã, ele não apenas é recusado, como também é recebido com hostilidade, o que instiga sua curiosidade e desejo. Ele está determinado a mostrar que não é o jogador arrogante que Meg acredita que ele seja e a conseguir levá-la para sua cama.

Megan McBride não está impressionada com Will Montgomery, nem com o dinheiro que ele. Ela não tem tempo para relacionamentos e aprendeu na vida que amor significa perda, então guarda seu coração a sete chaves.

Quando Will começa a quebrar as suas defesas para alcançar seu coração, Meg estará pronta para admitir seus sentimentos ou será que seu passado conturbado a levará a perder o primeiro homem que realmente amou?

Gente, o que há com essas mocinhas do romance que resolvem correr longe desses homens literários? Will é tudo de bom, fiel, protetor, fofo, doce, um ótimo amante, lindo, sexy, e mais qualidades que não se encontra por ai. Ele quer proteger, cuidar, mimar a mulher que ama, e o Megan faz? Fica toda hora se mostrando orgulhosa, ou falando algo para afastá-lo. Eu não posso com essa indecisão (risos). Se sobrasse um Will todo apaixonado na minha frente, eu não ficaria me fazendo de difícil não.

A autora sempre traz muito emoção para cada romance, com alguns dramas e problemas para atrapalhar a vida do casal. O enredo é praticamente uma injeção de glicose de tanto romance e fofurice, perfeito para aquele momento em que você precisa encontrar um casal apaixonado, com uma mocinha um tanto medrosa, e um mocinho mandão e protetor. Sim, nosso mocinho é aquele típico macho alfa que gostam de mandar, mas quando apaixonados são sedutores, ternos, e fazem de tudo pela mulher amada. E é claro, sou apaixonada por romances assim.


Estou completamente viciada nessa série, os três volumes publicados são favoritos para mim. Agora consigo entender o motivo de a autora ser tão aclamada, e agora estou ansiosa para a próxima publicação para saber mais dessas famílias tão unidas e amorosas. 

Nota:



12 comentários:

  1. Oi, tudo bem?
    O que há com elas? Racionalidade. Confiar em um homem de primeira é simplesmente assustador. Então, por que entregar seu coração a um jogador rico? Ele pode ter muitas qualidades, mas só conhecendo de verdade pra saber e ainda assim assumindo o risco de ter o coração partido. Eu já li algumas resenhas dos livros dessa série e ainda não tive a oportunidade de ler. Adorei. Lerei certamente. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi.
    Ainda não conheço nenhum dos livros da série e devo admitir que o enredo em si não despertou meu interesse. Mas sua empolgação com a resenha me deixou curiosa. Pretendo dar uma chance, mesmo o mocinho sendo mandão e a mocinha, indecisa.
    Adorei a resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia a série, mas em saber que a cada novo volume você se apaixona mais pelos personagens, já me deixa anomada.
    Também não entendo essas mocinhas e fiquei bem curiosa para conhecer esse homão da poha que parece ser o Will. Vou procurar o primeiro livro e ver se me vicio assim como você, sua empolgação é contagiante.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bom?
    Particularmente romances assim, de amor romântico, não constituem meu gênero favorito de leitura; são poucos os que conseguem me conquistar e me prender até a fim, por me soarem muito como "mais do mesmo", sabe? Ainda não acho que leria esse livro pois não combina muito comigo, mas sua resenha foi ótima e certamente auxiliará muitas pessoas que gostam de romance a descobrir mais uma grande história. Parabéns pelo trabalho!

    Um beijo!
    Débora
    http://www.amorlivronico.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá, eu gosto muito de romances, e ainda que não curta mocinhos mandões, pela sua resenha e por já ter gostado de outro livro da autora, fiquei bem tentada a ler Joga comigo.

    ResponderExcluir
  6. Olá, não curto muitos livros desse gênero e não me atrai muito por este livro, acho meio clichê essa do " Mocinho mandão " e a " Garota indefesa ", não me agrada muito. Mesmo não planejando ler o livro eu gostei bastante da sua resenha, conseguiu levantar bons pontos do livro e com certeza quem gostar do gênero deve curtir o livro. Bjs !!

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Eu gosto bastante da escrita da Kristen Proby, mas confesso que passei meio que por alto nessa resenha pois estou lendo Luta comigo e é o segundo então não quero pegar spoilers.
    Fico contente que tenha curtido a leitura, me deixa animada pra continuar seguindo na série.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. Olá! Tudo bom?

    Já li dois livros dessa série e apesar de ter achado prazerosa a leitura, eu não me tornei apaixonada por nenhum e não tenho intenção de reler. Fico feliz que goste tanto da série, a escrita da autora de fato é boa. Acredito que eu iria gostar muito do Will se ele for de fato como você descreveu ❤️❤️ alias, adorei a resenha 🧡

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá Carla,
    eu não conhecia a série, na verdade não estou muito por dentro das publicações da editora charme, enfim o Will parece ser um cara tentador, embora eu desconfie de que não seja só isso, afinal um homem que não aceita um não como resposta tende a ser bem mais que apenas fofo, protetor e coisas do tipo. Gosto de narrativas como esta e não me importaria em dar uma chance a série caso a oportunidade surja em algum momento no futuro.

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  10. Nunca vou entender as mocinhas que fogem dos homens perfeitos, mas morrerei tentando... rs Adorei a resenha.
    beijos

    ResponderExcluir
  11. Oii.
    Adoro romances, então esse livro já está na minha listinha há tempos.
    Estou louca para ler todos os livros dessa autora, pois sempre ouço comentários bem positivos a respeito da escrita dela.
    Amei a resenha <3
    Bjs, Mary

    ResponderExcluir
  12. Oi Carla!

    Tudo bem? Confesso que não conhecia o livro, mas fiquei bastante empolgada com a sua resenha. Adoro um bom romance e Joga Comigo parece ter tudo para conquistar meu coração. Espero consegui lê-lo em breve, mas devo dizer que depois de ler sua resenha minhas expectativas estão nas alturas.

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir

 
Google+